Administrador Osvaldo Nacimento realiza visita de auscultação na comuna de Catongotongo

Administrador Osvaldo Nacimento realiza visita de auscultação na comuna de Catongotongo

COMPARTILHE
A A A

O Administrador do Distrito Urbano da bela Vista, Osvaldo Lobo do Nascimento, visitou na passada sexta-feira, 10 de Março, o bairro do Catongotongo, com o objectivo de realizar uma auscultação para se levantar as principais necessidades e preocupações da população do bairro.

Vários foram os problemas apresentados pela população que constitui as mais de 500 famílias do bairro Catongotongo, que dista a 44 Km a sudoeste da cidade de Luanda, dos quais foram os principais: Falta de luz eléctrica e de escolas, unidades de saúde, água, (principalmente pelo facto da actividade predominante ser a agricultura), a falta de estradas, transporte e emissão de documento de identificação.

Além dos problemas supramencionados, levantou-se também a problemática da delinquência e agressão física dos filhos contra os próprios pais, cujo factor originário é apontado a falta de luz eléctrica no bairro e a comercialização de estupefacientes por alguns moradores do mesmo bairro. “Foi assumido um compromisso com os moradores no sentido de denunciarem as casas ou as pessoas que fazem a venda desses produtos, para que a polícia com a participação e colaboração de um profissional em psicologia, possam desencorajar a comercialização desse tipo de produtos”. Disse o Administrador Osvaldo. “Não é ainda nossa intenção trabalhar na repreensão, mas sim na sensibilização, para pararem com esse tipo de práticas de comercialização desses produtos, e colocamos assim, um fim a esse tipo de práticas na comunidade”. – Acrescentou.

Uma vez que a população percorre grandes distâncias para dar solução a questões ligadas a educação e saúde, questionado o Administrador sobre quê garantias dá a nova administração sobre os problemas ligados a esses dois sectores, respondeu: “Nós não estamos aqui para garantir, nós estamos aqui para trabalhar. Não gostamos da escola que tem aqui no bairro, e naturalmente vamos fazer um esforço no sentido de termos aqui uma escola diferente da que temos hoje”. No que toca a saúde, o Administrador Do Nascimento apresentou a possibilidade de prioritariamente se fazer uma negociação com a direcção do posto médico local abrir-se para o público 7 dias da semana, sendo que actualmente, funciona apenas duas vezes por semana, pois tomou-se por conhecimento que, apenas são feitas análises de paludismo na mesma unidade hospitalar.

Sobre o plano de acção, o Administrador do Distrito Urbano da Bela Vista disse que foi apresentado o mesmo à Administração Municipal para aprovação, mas que isso não é um empecilho para se dar início às suas actividades. “Já estamos a fazer contacto com as empresas de transporte público de passageiros para equacionarmos a solução da transportação das pessoas, pelo menos na estrada 230, por enquanto, sendo que o único meio que opera nesta zona é o comboio e faz duas viagens por dia, e não é suficiente”. – Disse Lobo do Nascimento. Ainda questionado sobre a prioridade das actividades a serem executadas em prol da comunidade de Catongotongo, respondeu o administrador: Sem educação, sem trabalho e sem saúde não há futuro. São questões fundamentais e temos que prestar particularmente atenção a estas questões se de facto queremos desenvolver o nosso distrito”, concluiu.

comentários facebook