Agora sim é de vez, Yola Araújo é a Diva da Música.

Agora sim é de vez, Yola Araújo é a Diva da Música.

COMPARTILHE
A A A

Agora sim é de vez, Yola Araújo é a Diva da Música. «Agradeço à Deus por me iluminar e abençoar todos os momentos da minha vida dando-me vibrações positivas. Agradeço a todos que tornaram esse sonho realidade. À minha família que é o alicerce da minha vida, especialmente à minha pequena Ayani que hoje tem 3 anos. Sinto-me duplamente feliz por estar a participar na Divas e por ver o meu trabalho a ser reconhecido.» Foram essas as palavras da diva da música angolana Yola Araújo.

 

 

Para mim ser diva é ser uma pessoa que eleva a sua cultura, os hábitos e costumes sempre com muita inteligência e perseverança. É toda figura notória para o público” Resultado da qualidade do seu trabalho e muitos anos de sucesso, Yola é nomeada diva da música isto em 2008, ano que deu a luz a sua primogénita Ayani.

 


Não levou o troféu mais foi a Diva Deslumbrante. Em 2010 lança o seu 4º álbum intitulado “Em Nome do Amor”. Mais uma vez a voz sensual confirma a sua popularidade demostrando que está destinada ao sucesso. Nomeada para o “Divas Angola 2011” nas categorias Diva do Momento e Diva da Música. Yola arrebatou o prémio de Diva da Música. “Deus sabe o que faz, foi uma bênção divina com certeza 2011 é o meu ano, acredito que as coisas acontecem quando têm que acontecer.  Nunca é tarde.” conta Yola a Platina Line.  Segundo a Diva da Música, este último trabalho foi produzido com muita responsabilidade devido a exigência do seu público. Valorizando o carinho e o reconhecimento dos seus fãs.

 

 

Já lá vão 10 anos que começou a sua carreira. Começou a fazer coros e tempos depois devido a escassez de vozes femininas no mercado juntou-se a grupo de meninas que detinham o mesmo sonho, o de singrar no mundo da música. Esse grupo de meninas ganhou o nome de Melomanias, era dirigido por Beto Max e tinha como integrantes para além de Yola Araújo, Margareth do Rosário e Djamila Delves.

 

net_684x82

 

Em pouco tempo de existência o grupo atingiu o sucesso, introduzindo no mercado um novo movimento musical nos estilos, Kizomba e Semba. Numa fase ainda embrionária o grupo acabou-se por desfazer-se. Cada uma das integrantes seguiu carreira a solo. Natural da Lunda-Sul, a artista lança o seu primeiro álbum a solo em 2001 “Sensual” este que foi muito bem recebido pela crítica e pelo público.

 

Sendo os temas “ I Just Wanna Love You”, “Luanda Serena”, “Dance” os sucessos que marcaram um percurso cheio de êxitos na carreira da artista. Anos depois lança “Um Pouco Diferente”. Desta feita com a produção de Heavy C, Yola conseguiu ser a única artista com mais de 5 músicas a tocar em toda Angola. Conseguindo se firmar e colocar-se entre os grandes nomes da nossa música.

 

 

Tornando-se um dos discos mais ouvidos na altura e um dos mais tocados nas casas nocturnas. Arrebatou um disco de prata pela venda de 50 mil cópias É no seu terceiro disco de originais “Diferente e Mais um Pouco”, que Yoyo como é tratada pelos mais próximos, obtém a consagração de grande artista, eliminando qualquer dúvidas de que veio para ficar. A fórmula do sucesso entre Heavy C e Yola voltou a funcionar.

Novamente o álbum é um sucesso de vendas. Tornando-se uma das vozes femininas com uma grande aceitação do público. Casada e com uma filha de 3 anos, Ayani, fruto da relação com o modelo e actor Freddy Costa, Yola vê na família o equilíbrio emocional. Apesar do lado pessoal terem surgido alguns incidentes desagradáveis e momentos não menos bons, é fácil perceber que o tempo trouxe mais maturidade no trato com as questões pessoais e profissionais de sua vida. Yola Araújo é das poucas artistas nacionais que possui um dos públicos mais fiéis. Sendo o carisma, a simpatia e sinceridade com os seus fãs que torna Yola Araújo umas das artistas mais queridas do nosso país.

 

 


comentários facebook