Canções da Nossa Terra dias 20 e 21 de Julho

Canções da Nossa Terra dias 20 e 21 de Julho

COMPARTILHE
A A A

As artistas angolanas Afrikkanitha, Anabela Aya e Katiliana vão estar em concerto nos dias 20 e 21 de Julho, às 21h, na BRASOM (Miramar), em Luanda, para interpretar temas de
Teta Lando, Rui Mingas, Irmãos Kafala, Carlitos Vieira Dias, Waldemar Bastos e de mais músicos também muito admirados e respeitados, que são parte da história da música
angolana.
Estes concertos fazem parte do projecto Canções da Nossa Terra, da produtora Jazz Em Casa, que pretende expandir o formato noutras salas de Luanda e nas demais províncias do país. Uma forma de homenagear os autores, relembrar os clássicos angolanos e mantê-los vivos na memória das pessoas, e principalmente demonstrar que o legado foi bem
transmitido.
De acordo com Afrikkanitha, Katiliana e Anabela Aya enquadram-se perfeitamente neste projecto, portanto, pretende dar continuidade ao trio e realizar mais concertos em conjunto.
“A Katiliana além de muito talentosa, é muito responsável, profissional e tem muito boa energia em palco. Eu divirto-me imenso com ela; Ouvi um tema da Anabela e gostei. Agora
que estou a conhecê-la melhor estou a gostar mais dela. É também muito profissional e divertida”.
Sobre as artistas:
Afrikkanitha é cantora de Jazz: Já lançou no mercado angolano 3 álbuns (Weza, Salmos de David e Ainda Sonho) e dois singles (Quebrando o Silêncio e Nga Madia). Actualmente está a concluir a formação em Jazz Studies, em Miami, na universidade Florida Memorial.
Anabela Aya é actriz e cantora angolana. Foi a vencedora da 20a edição do Festival da Canção de Luanda, organizado pela rádio Luanda Antena Comercial (LAC). Em Abril deste
ano fez a apresentação pública do seu primeiro trabalho discográfico com o título
“Kuameleli”.
Katiliana é natural de Luanda, cresceu em Portugal, é formada em Jazz pela Universidade de Leeds, no Reino Unido, e ganhou notoriedade em 2004, quando participou nos concursos Operação Triunfo e Ídolos de Portugal. A artista aposta fortemente no blues e jazz.

comentários facebook