Cidadão mata colega à facada por tê-lo chamado de langa

Cidadão mata colega à facada por tê-lo chamado de langa

COMPARTILHE
A A A

Por: Kiesse Veloso

Um cidadão terá supostamente matado o seu colega de serviço, com vários golpes usando uma faca de cozinha, na sequência de uma discussão, em que a vítima tê-lo-á chamado de Langa, terminologia muitas vezes utilizada como referência aos cidadãos nascidos na vizinha RDC.

Manuel Simão, de 28 anos, supostamente agastado com o colega, por sucessivas vezes tê-lo chamado de langa, justifica a acção com o facto da vítima, por reiteradas vezes, dizer que Manuel não era angolano e que todos os bacongos são langas e estrangeiros. Manuel diz não se lembrar de quantos golpes desferiu ao falecido, que em vida chamava-se Luís Felizardo, também de 28 anos, padeiro de profissão. O facto é que após cometer o homicídio, Manuel Simão foi abordado por alguns populares, que quase fizeram justiça por mãos próprias, ao pretenderem agredi-lo.

O pai da vítima, senhor Henriques Adelino, inconsolável, diz não ter meios para realizar o funeral e não consegue perceber as razões que levam alguém a tirar a vida do próprio colega, pelo que, pede que se faça justiça.

Luiz Felizardo é o segundo filho de Henriques Adelino, que morre por assassinato, poucos dias depois do seu irmão ter sido igualmente morto, por meliantes, em Viana.

comentários facebook