Cinemax e Embaixada da China apresentam I.º Ciclo de Cinema Chinês

Cinemax e Embaixada da China apresentam I.º Ciclo de Cinema Chinês

COMPARTILHE
A A A

O Cinemax – maior operador de cinemas Multiplex em Angola ­– em parceria com a Embaixada da República Popular da China em Angola, promovem, de 06 a 12 de Julho, a primeira edição do Ciclo de Cinema Chinês. O Cinemax Talatona, no Belas Shopping, e o Cinemax Kilamba serão os dois activos da marca que, durante uma semana, recebem esta programação especial.

Para celebrar o início do ciclo, a organização promoveu um evento, no dia 05 de Julho, pelas 18 horas, no Cinemax Talatona, no Belas Shopping, que junta convidados institucionais de diversas áreas e apreciadores de cinema chinês. De referir que responsáveis ministeriais e diplomáticos fazem parte da distinta lista de convidados que vão prestigiar o evento. Michel Ferreira, director executivo do Cinemax, e o Embaixador da República Popular da China em Angola, Cui Aimin, são os anfitriões da noite que assinala o arranque do mais recente desafio da operadora. Os presentes poderão ainda assistir de forma exclusiva ao filme Monge Xuan Zang, do realizador Jianqi Huo.

Com as entradas a 750 Kwanzas, o ciclo tem programados outras produções chineses de grande sucesso, como Monster Hunt, Salva-te se Puderes, e Wolf Warrior 2. Disponível em múltiplas sessões, a iniciativa tem como objectivo celebrar e fomentar as cordiais relações sino angolanas. Sendo actualmente o maior mercado cinematográfico do mundo, o cinema chinês continua a conquistar milhões de fãs, quer pela sua qualidade, quer pelas suas características peculiares. O público angolano também faz parte deste universo.

O director Executivo do Cinemax, Michel Ferreira, enaltece o engajamento das duas instituições: “Quer a embaixada, quer o Cinemax, trabalharam em cooperação para que esta iniciativa seja um sucesso. Além de inédita, é também uma acção ousada, que traz para Angola um festival de um cinema com características próprias, e que tem estado em destaque em várias regiões do mundo. Concluímos que é chegada a hora de os consumidores angolanos terem um maior contacto com as produções chinesas; conhecerem as suas estrelas, assim como os realizadores e produtores. Felizmente, temos clientes sempre receptivos a conteúdos novos, por isso, estamos certos de que a acção vai ser um grande sucesso, não apenas junto da comunidade chinesa residente, mas também dos nacionais”, refere o responsável.

O Cinemax reforça o compromisso de apresentar conteúdos cinematográficos alternativos de qualidade, que atraem a atenção de mais e novos espectadores. A iniciativa faz parte do seu programa de exibição de ciclos de cinemas que prevê a exibição de produções de várias culturas: em Janeiro a marca estreou o Ciclo de Cinema Francês no Cinemax Talatona.

comentários facebook