Conheça a Cantora Baby Helly

Conheça a Cantora Baby Helly

COMPARTILHE
A A A

Desde pequena que desejou fazer parte do mundo artístico, directamente dentro da música. Foi aos 11 anos que escreveu a sua primeira letra “Sonho de criança”, e sob influência de uma girls band que na altura fazia muito sucesso, as Spice Girls. Era fã incontestável da Baby Spice aka Emma Bunton. Ansiava então ser cantora pió, em companhia das suas amigas e vizinhas de bairro, a Iracema, a Tina e a Betucha, que foram ajudadas em termos de ensaios vocais pela Sweet Maria. Infelizmente, a pretensão ficou por aí, acabando o grupo por se desfazer, e então optar por caminhar sozinha.

Três anos depois, o Nimimisse (Tony) vizinho do bairro da Maianga, onde residia na altura, propôs-lhe formar um dueto (grupo), e apresentar-lhe ao Simimi Ni Moyo, que passou a coordenar os ensaios e a tornou-se “tutor” dos mesmos. Não foi uma caminhada fácil para ela, uma vez que o estilo musical que fazia (Pop) era diferente. À 15 de Maio de 2000 abraça ao Rap, identifica – se como BabyHelly, integrante do grupo Luta Consciente (nome do grupo dado por Simimi Ni Moyo).

Em 2001, depois de muitos ensaios em grupo, grava a primeira música com Nimimisse intitulada “Amor de filho” (autoria de Simimi Ni Moyo) e mais tarde “Filhinho de papai” (autoria de BabyHelly). Participa de vários espectáculos organizados e realizados pelo RC com Miguel Neto, Full Time com Kiess Kelly, actua no Team Elite, no cine São Paulo, Feira Ngoma, etc…

Em 2003, ausenta-se do país, por razões académicas, onde estudou Direito, licenciou – se e tornou – se Mestre em Direito Internacional. Ainda enquanto estudante no estrangeiro, participou em alguns espectáculos criados alusivo às festividades do ano lectivo, em companhia do seu colega Harold Mabula a.k.a H – Man (zambiano).

Regressa ao país de origem, começa a trabalhar, torna – se mãe, percorre pelo universo profissional, adquire experiência de trabalho, mas no backstage continua a trabalhar o seu skill e as suas letras. Decide reaparecer…

comentários facebook