Conheça “Verónica Nsaby”, que realiza workshops de culinária

Conheça “Verónica Nsaby”, que realiza workshops de culinária

COMPARTILHE
A A A

Por: Stella Cortêz

Engrácia Verónica António Nsaby é uma senhora que, desde tenra idade, descobriu o gosto pela culinária, entretanto, mesmo depois que ingressou para a Polícia Nacional de Angola, nunca abandonou a sua paixão. Actualmente, a mulher de trato fácil tem partilhado os seus conhecimentos gastronómicos com colegas de trabalho, bem como a sociedade civil.

Ao PLATINALINE, a agente de fiscalização aduaneira, que nunca frequentou nenhuma escola de formação profissional de culinária, partilhou a sua história de vida.

“Este é um dom que Deus me deu, sempre gostei de cozinhar para os estrangeiros Franceses, que naquela altura frequentavam uma casa de jogos conhecida, que pertencia ao meu pai, e achei interessante ensinar outras mulheres a cozinhar. Já pensei em desistir, por motivos de cobiça. Gosto do que faço, realizo workshops em Luanda e em outras províncias, ensino mulheres a cozinhar por um valor simbólico. No fim de tudo, sinto-me feliz porque as minhas alunas saem satisfeitas, mandam mensagens de agradecimento que elevam a auto estima de qualquer um”, disse.

2b77da31-8278-4d52-b44e-82b696a45b19

Incentivada pela tia, que primordialmente criou um grupo nas redes sociais para mulheres que também gostam de cozinhar, Vera aproveitou a oportunidade para criar a sua página do Facebook, que conta com quase cinco mil seguidores, cerca de dez administradores que todos os dias interagem com, pelo menos, quatrocentos e cinquenta mil membros.

“Este grupo existe há seis meses e tem ajudado muitos lares. Os resultados são positivos, e o mais importante é que consigo separar as coisas. Levo a farda e as panelas de forma leviana, não tenho tido problemas, o segredo está no amor que tenho ao fazer as coisas. Mas, infelizmente nem todos estão felizes e também não encaram este lado gastronómico de forma positiva, pelo facto de eu ser oficial da Polícia Nacional e não só”, esclareceu a oficial.

Verónica Nsaby, que apelou às mulheres a trabalharem com muito amor nas suas artes e ofícios, vai, no próximo dia 8 de Fevereiro, realizar uma “Sopa Solidária” para as famílias que vivem em estado crítico no bairro Zango 1, com entrega de donativos e outros bens de primeira necessidade.

comentários facebook