Crentes religiosos falam sobre o significado da Semana Santa

Crentes religiosos falam sobre o significado da Semana Santa

COMPARTILHE
A A A

Por: Stella Cortêz / Neves Anthony

As grandes festas eclesiásticas se orientam pela vida do fundador Jesus Cristo, sem sombra de dúvida a festa predilecta para alguns países é o Natal, festa da natividade, pois celebra um episódio de muita alegria e evocam emoções muito positivas. Entretanto, por mais importante que seja o nascimento de Jesus, ou seja, do Deus humanizado, a Sexta-feira Santa e a Páscoa possuem importância maior. Motivo pelo qual a equipe de reportagem do Platinaline foi as ruas de Luanda para saber de alguns citadinos o significado desta data.

Alguns crentes católicos, defendem que, a semana santa é um dos momentos mais importantes e significativos da tradição religiosa, pois antecede a celebrada da Páscoa e deve ser vivida com reflexão, oração, jejum, perdão e amor ao próximo. Porém, crentes protestantes apresentam uma opinião contrária, afirmando que, a semana santa não é tão enfatizada, sendo que todos os momentos agónicos que antecedem ao sacrifício vividos por Cristo na cruz são lembrados todos os dias.

O Padre Síssimo Alberto fez entender que a semana santa que termina com a ressurreição de Cristo, no Domingo próximo “Páscoa”, neste tempo, celebra-se Triduum Sacrum que congrega a Quinta-feira, a Sexta e o Sábado Santo incluindo a Vigília Pascal que celebra a paixão, morte e ressurreição de Jesus Cristo.

“Está tradição tem que ver com o sofrimento que faz parte da missão do servo, também faz parte da nossa missão como cristão. Não pode haver servos coerentes de Jesus, excepto com o seu fardo, como o Salmo de hoje nos lembra. Mas no sofrimento está a vitória e Jesus. Despiu-se da sua grandeza, assumindo a condição de servo, humilhou-se, tornando-se obediente até a morte na cruz”, esclareceu o sacerdote.

comentários facebook