Designer de moda “Neusa Mateus” confessa ter sido amante de um homem...

Designer de moda “Neusa Mateus” confessa ter sido amante de um homem casado e 20 anos mais velho do que ela

COMPARTILHE
A A A

“Vivi uma vida de mentiras e luxúria sustentada por ele. Durante quatro anos, eu estive apaixonada e envolvida com um homem que consegui de forma ilicita”

Por: Sued de Oliveira
Revisão: Canga Tomás

Começamos o artigo dessa forma diferente, para falar da vida dupla, agora desfeita, da designer de moda, Neusa Mateus, que confessou em tom de desabafo, por via de um texto partilhado no seu blogue More Joy Less Guilt (mais alegria, menos culpa), ter vivido uma relação de quatro anos com um homem casado e 20 anos mais velho do que ela e revelou também que teve um caso com o namorado da melhor amiga, facto que a afastou das pessoas que mais amava e mudou a sua vida a ponto de desconhecer-se a si própria.

Sabe-se que mais de 80 por cento dos homens casados não deixarão as esposas para viver um novo romance e com Neusa a história não mudou de cenário. A criadora contou que se sentiu obrigada a viver uma vida dupla, na sombra, entre dois romances proibidos. Apesar de todo o luxo proporcionado pelo homem casado com quem teve um caso durante quatro anos, uma vida além de confortável numa zona de luxo e nobre em Talatona, mas que de longe a deixou feliz, pois todas estas escolhas e decisões, que a certo momento a deixaram irreconhecível aos seus próprios olhos, trouxeram dor, humilhação e várias outras coisas, das quais jamais se esquecerá, e, apesar de tudo, moldaram uma pessoa nova.

“Já senti vergonha, muita vergonha e hoje já não sinto mais! O preço que paguei foi muito alto por ter feito escolhas erradas, que infelizmente me levaram a caminhos errados. Um dia eu perdi pessoas por dizer MENTIRAS, tantas mentiras sobre mim para tentar justificar as minhas escolhas, mas hoje prefiro perder pessoas por dizer somente a VERDADE!” desabafou Neusa.

Parece enredo de telenovela, mas é tudo real. Uma história complicada, cheia de lições, em que uma mulher de cabeça erguida abre o coração e partilha com o mundo todos os erros pelos quais está farta de se envergonhar, deixando, no final, a seguinte mensagem: Há quem diga que eu acabei mal, mas, honestamente falando, eu sinto que estou só a começar!”

comentários facebook