Emirates apresenta técnica de lavagem de aviões amiga do ambiente

Emirates apresenta técnica de lavagem de aviões amiga do ambiente

COMPARTILHE
A A A

Por ocasião do Dia Mundial do Meio Ambiente, a Emirates apresentou uma técnica de limpeza de aeronaves amiga do ambiente que irá permitir à companhia aérea economizar milhões de litros de água por ano.

A companhia está a usar a técnica de “lavagem a seco das aeronaves”. Conforme indica o nome, pouca ou nenhuma água está envolvida na limpeza das aeronaves, o que contrasta com os métodos convencionais de limpeza de aeronaves, que normalmente usam milhares de litros de água por lavagem.

Durante o percurso de cada voo, uma aeronave acumula poeira e sujeira em sua superfície externa que além de deixar a aeronave suja e menos atraente, a sujeira que se acumula na superfície da aeronave também aumenta o uso de combustível, tornando a aeronave mais pesada e menos aerodinâmica. Tradicionalmente, as aeronaves são lavadas com água com bastante pressão entre quatro a cinco vezes por ano. No entanto, em média, esta técnica usa mais de 11.300 litros de água para limpar uma aeronave Airbus A380 e mais de 9.500 litros para limpar um Boeing 777.

Na verdade desde o início de 2016, que a Emirates esta a usar a técnica de lavagem a seco para lavar a sua frota de mais de 250 aviões. Nesta técnica, um produto de limpeza líquido é primeiro aplicado manualmente a toda a superfície externa da aeronave depois um tecido de microfibra limpo, é então usado para remover o produto de limpeza que secou, o que tira a sujidade e deixa o avião polido e limpo, o que permite deixar a superfície pintada com um brilho mais longo.

É preciso uma equipe de 15 funcionários e cerca de 12 horas para limpar um A380 e cerca de 9 horas para limpar um Boeing 777.
Existem várias vantagens no uso desta técnica de lavagem a seco. A primeira é que há pouca utilização de água para lavar um avião. Utilizando a técnica a Emirates economiza mais de 11 milhões de litros de água por ano. Além disso, a técnica de lavagem das aeronaves sem água garante que o avião permaneça limpo por um longo período de tempo, reduzindo o número de vezes que a aeronave tem de ser lavada, cerca de três vezes por ano e também reduzir o consumo de combustível devido a menor acumulação de sujidade.

Operacionalmente é possível que outros trabalhos de manutenção sejam realizados no avião durante o período da lavagem o que não é possível quando a aeronave está a ser lavada com água devido à sensibilidade dos instrumentos à água.
A Emirates está empenhada em ser uma companhia aérea responsável pelo ambiente por isso opera uma das frotas de aviões mais jovem e mais eficiente do mundo. Além de ter adoptado a lavagem a seco dos aviões, a companhia aérea possui uma série de outras iniciativas de eficiência energética nas suas operações.

Engenharia e Manutenção

A Emirates usa também uma técnica inovadora para lavagem dos motores usando uma espuma que permite economizar cerca de 200 toneladas de emissões de dióxido de carbono por ano. Outras iniciativas incluem a instalação de painéis fotovoltaicos no centro de manutenção da companhia no Dubai. Os painéis geram mais de 1.800 megawatts-hora de electricidade por ano, ajudando a economizar perto de 800 toneladas em emissões de dióxido de carbono. A Emirates engenharia instalou também luzes LED para poupar energia, emparelhadas por sensores de movimento, o que reduz substancialmente o consumo de electricidade.

Produtos de bordo
A Emirates introduziu cobertores sustentáveis produzidos a partir de garrafas plásticas 100% recicladas. Usando a tecnologia EcoTHREAD ™ patenteada, cada manta é feita a partir de 28 garrafas de plástico reciclado. Estima-se que até o final de 2019 a Emirates EcoTHREAD ™ irá recolher 88 milhões de garrafas de plástico dos aterros sanitários.

Um amanhã mais verde

Através do programa “A Greener Tomorrow”, a Emirates financiou organizações, sem fins lucrativos, em todo o mundo para trabalharem na conservar e protecção do ambiente. Os fundos para a iniciativa são totalmente geridos por programas internos de reciclagem do Grupo Emirates.

comentários facebook