Entrevista Exclusiva com Actriz Angolana Isilda Gonçalves

Entrevista Exclusiva com Actriz Angolana Isilda Gonçalves

COMPARTILHE
A A A

 

3X4

Nome: Isilda
Apelido: Gonçalves
Idade: 31 anos
Local de nascimento: Lubango/Huíla
Peso: 57 kg
Altura: 1/67 de altura
Estado civil: Vivo numa relação conjugal
Qual é sua maior qualidade

É difícil falarmos de nós próprios. Mais acho que são: humildade e honestidade

E seu maior defeito?

Sou bastante teimosa

Qual é a característica mais importante em um homem?

Inteligência, honestidade, e simplicidade são características que muito admiro num homem ou em mulher

O que você mais aprecia em seus amigos?

A autenticidade.

Sua atividade favorita é:

Ir ao teatro e cinema.

Um animal:

Adoro cavalos

Seus cantores?

São muitos porque sou bastante eclética mais posso citar alguns: gosto Bob marley celine dion ,Suzana Félix ,R kelly ,Michael Jackson, e já agora do meu marido.(Eduardo Paim)

 Que superpoderes gostaria de ter?

O de voar e o de ficar invisível, O de voar agrada-me a sensação de liberdade


Qual é sua palavra favorita?

Tenho várias! Aliás nem são palavras são pensamentos positivos que faço questão de meditar sobre eles todos os dias.

Sigo a minha intuição, pois sei que ela é a minha mais sábia conselheira!

Eu sei que consigo realizar os meus projectos, acredito em mim!

A sinceridade domina as minhas relações com os outros, sei que tenho amigos verdadeiros!

Encontro a serenidade dentro de mim!

Acredito que o poder da mudança está dentro de mim!

A alma não tem idade já mais envelhece!

Sou leal, as minhas convicções!

Sorrio mais vezes e dessa forma a minha vida é mais rica!

Tenho força em todos os momentos, porque DEUS está sempre comigo, ele é fiel, e nunca falha!

Estes pensamentos ajudam-me imenso, quando medito tudo corre bem. E enfim podia preencher várias páginas por isso fico-me por aqui

Que dom você gostaria de possuir?

O de poder salvar vidas


Como você gostaria de morrer?

Gostaria de morrer de forma rápida e sem dor

 


Qual é seu atual estado de espírito?

Nesse momento estou a viver uma fase de introspecção.

Qual é o lema de sua vida?

Nunca perder o foco

Uma mania:

Eu sou uma fada do lar. Gosto muito de passar tempo em casa e de tirar um dia ou dois por semana para ir a cozinha, fazer alguns pratos, bolos ou O arroz doce que é a minha especialidade. Adoro. E como o meu signo é peixes, sou muito perfeccionista e tenho um bocado a mania das arrumações. Como sei que não posso obrigar o Eduardo a ser igual a mim nesse aspecto, ando sempre a arrumar. Gosto muito de ter as coisas todas organizadas.


O primeiro beijo:

Já foi a tanto tempo que nem me lembro, não guardo esse tipo de memórias, vivo o presente, não sou saudosista.


A primeira vez no sexo foi…

Tenho imensa dificuldade em partilhar, falar sobre a minha intimidade prefiro preservar-me e como nunca falo sobre, para já vou manter essa postura.

Uma vaidade:

Mudar constantemente de penteado e manter a linha.


Qual é seu maior medo?

Há muitas coisas de que realmente temo, tenho medo do desconhecido, temo de sair da minha zona de conforto ou do meu território e tornar-me frágil quando assim acontece tento adaptar-me sem perder a minha essência ou identidade ou tento adoptar uma postura de camaleão ou tornar-me numa espécie de mulher anfíbia, tenho medo de perder as faculdades mentais, o equilíbrio, de perder as pessoas que amo, mais tenho noção que é o processo natural da condição humana, nascemos, crescemos e morremos.


O que o irrita?

Irrita-me a falsidade e hipocrisia em algumas pessoas.


O que você não gosta no próprio corpo

Muitas coisas ou pelo menos havia algumas partes que incomodavam-me, hoje em dia já consigo conviver com isso, felizmente já ultrapassei esses fantasmas.

O que é fundamental na sua vida?

É-me fundamental estar sempre rodeada pelas pessoas que amo, e vice-versa.

Qual é a sua origem?

Ainda estão em busca da minha origem.

Você tem religião?

Não tenho religião! Nem quero limitar-me espiritualmente, não estou presa a religiões, estou ainda estou em fase de busca procura, por isso normalmente digo que onde ouvir a palavra de DEUS verdadeira e com fervor eu vou, ele superior a tudo e todos a minha religião é amar a DEUS e respeita-lo sobre todas as coisas, amar o próximo como a nós mesmo.

Sempre sonhou em ser atriz?

Sim! Sou actriz por gosto e convicção! Essa é minha essência é nela que me revejo.

E ser apresentadora?

São registos diferentes, mais com uma componente em comum, o facto de comunicar-me com o público ou telespectadores, a apresentação teria de passar pela minha vida porque foi a minha opção inicial, estava a estudar 

letras e iria certamente para o jornalismo mais a representação falou mais alto tive que optar por uma formação na área de representação. E era também o que a minha mãe queria que eu seguisse, quando a direcção TPA lançou-me o desafio para apresentar programas resolvi aceitar logo sem hesitar assim ficamos todos felizes, hoje sinto-me muito feliz ,realizada, e completa por exercer as duas profissões, adoro representar e apresentar programas porque todos os dias são diferentes, há sempre um factor surpresa. Acaba por ser um e outro trabalho muito dinâmico.

 

 

 

As mulheres são mais mal pagas que os homens no mercado de trabalho Isso aconteceu com você?

Olhe se aconteceu eu nunca dei por isso, confesso que nunca me debrucei sobre isso, sinceramente quando vou assinar um contrato ou discutir um cache, como não tenho agente de momento, não estou minimente preocupada em estabelecer uma comparação entre o que vou receber relativamente face aos homens preocupo-me sim em assegurar-me de: o me oferecem ou me vão remunerar-me faça jus de acordo com a minha prestação, intervenção,

 desempenho, entrega e dedicação ao trabalho que mereço, se ainda acontece é mais uma luta que nós mulheres mais uma vez teremos que travar para mudar essa situação.

E hoje, como lida com decepções e perdas?

Mal como todo comum mortal, mais tento manter o equilíbrio emocional para aceitar as situações.

Você é casado com Eduardo Paim Você é uma defensora do casamento?

Ainda não sou casada com o Eduardo! Vivo numa relação conjugal como já referi, mais pretendemos consumar esse acto o mais breve possível e como tenho uma mentalidade um pouco conservadora… sim considero-me defensora do casamento.

Para si, o casamento é um contracto é algo romântico e/ou um passo obrigatório na vida de um homem e mulher?

Não! Não acho que o casamento seja um contrato e muito menos obrigatório na vida de um homem ou de uma mulher, penso sim que quando duas pessoas amam-se e estão certas e convictas daquilo que querem, devem oficializar esse sentimento que as une num acto solene e de acordo com a lei.

O facto de ambos serem figuras publica não atrapalha o vosso relacionamento

Não! De forma alguma porque tanto eu como o Edu diferenciamos o trigo do joio, pelo menos até hoje temos sabido gerir ou proteger a nossa relação de forma a não permitir que se crie um desequilíbrio que faça abalar a nossa estrutura familiar.

O que opinião tem sobre O Portal Platina?

Bastante pertinente, ousado, arrojado, eu gostei imenso do vosso projecto é uma forma interessante de promover e dar a conhecer os artistas, divulgar a cultura angolana de forma positiva e dinâmica Dentro e além-fronteiras, bem-haja estão de parabéns, Sarchel.

comentários facebook