Expo Astana 2017 Um caminho para as energias renováveis

Expo Astana 2017 Um caminho para as energias renováveis

COMPARTILHE
A A A

Com o lema “A Energia do Futuro”, a Expo Astana 2017 conta com a participação de 115 países e 22 organizações internacionais e já é considerada um marco no sector.

Por representar uma ameaça de crise ambiental, a escassez de energia levanta um verdadeiro desafio na conservação

das energias tradicionais e na busca de energias alternativas. À medida que a produção de petróleo está em declínio e seu valor aumenta gradualmente a maior parte da população terá de optar pelo uso de  energia alternativa.

Com o tema “A Energia do Futuro”, a Expo Astana 2017 servirá de plataforma para a troca de experiências em todo o mundo no sector de energia alternativa.

Também não faltarão apresentações musicais, com músicas e danças tradicionais do Cazaquistão. Entre as mostras, encontram-se 71 números do Cirque du Soleil, desenvolvidos especialmente para a Expo, e apresentações de Plácido Domingo, Steve Aoki, Eros Ramazzotti e Afrojack, entre outros.

Para receber o grande número de visitantes, foram construídos vários hotéis, entre eles o luxuoso  Ritz-Carlton, e residências para 40 mil estudantes, bem como melhorias no sistema de transportes.

O Cazaquistão também construiu um novo megaterminal no Aeroporto Internacional de Astana, que aumenta sua capacidade para movimentar 8,2 milhões de passageiros por ano.

Além disso, o país centro-asiático fechou diferentes acordos bilaterais e multilaterais de “céus abertos” durante os três meses de duração da Expo 2017 e flexibilizou o regime de vistos para dezenas de países.

 

comentários facebook