Figuras públicas lamentam a morte do activista Carbono Casimiro

Figuras públicas lamentam a morte do activista Carbono Casimiro

COMPARTILHE
A A A

O rapper e activista angolano Dionísio Gonçalves Casimiro, conhecido por Carbono Casimiro, faleceu nesta segunda-feira, 18, na Clínica Girassol, vítima de doença.

O irmão do rapper, Joel Júnior, anunciou o falecimento na sua página do Facebook. “Venho, em meu nome e da minha família, comunicar o passamento físico do meu irmão Dionísio Casimiro…”

Várias figuras públicas lamentaram a perda do rapper e activista social:

Luaty Beirão: “Está difícil aceitar”

MC Cabinda: “RIP Carbono Casimiro, doaste uma parte da tua curta vida a uma causa que se chama Angola, é desse jeito que serás recordado.”

Victor Hugo Mendes: “Estou mega triste com essa notícia. Nunca o vi pessoalmente e apenas uma vez falou comigo via Instagram. Não importa quais são as nossas convicções, mas a morte de um jovem deixa-me magoado. Endereço à família, aos amantes e adeptos do Rap como eu, os mais profundos sentimentos de pesar.”

Yannick Afroman: “Descanse em paz, Carbono. Que a terra lhe seja leve.”

Dog Murras: “…assim seguimos marchando com menos um filho da terra, com menos um defensor da razão nacional. São assim as curvas inesperadas e dolorosas da vida, o bom é que a parte mais dura da história atravessamos… resta-me aqui a minha homenagem ao mano Carbono, e pedir que a sua alma descanse em paz…”

Por: Hélio Cristóvão (Estagiário)

2019-11-19 14.16.23 FB_IMG_15741775753727823

comentários facebook