Filda 2018 GPL apoia intercambio entre empresários

Filda 2018 GPL apoia intercambio entre empresários

COMPARTILHE
A A A

O governo da Província de Luanda está disponível em apoiar a criação de parcerias com empresários nacionais e estrangeiros de diferentes ramos de actividade para que a capital do país possa desenvolver mais a nível económico.

Essa intenção foi manifestada pelo seu vice-governador provincial para (GPL) área económica, Júlio Bessa, quando discursava na abertura da 34ª edição da Feira Internacional de Luanda (FILDA2018), que decorre na Zona Económica Especial (ZEE), município de Viana, numa sessão presidida pelo ministro da Economia e Planeamento, Pedro Luís da Fonseca.

Disse estar disponível em trabalhar com os empresários nacionais e estrangeiros, para serem parceiros e percorrerem juntos o “caminho” que permitirá à capital do País se desenvolver mais.

Acredita que só com empresas fortes será possível criar empregos para os angolanos, principalmente para os munícipes de Luanda que procuram a sua primeira ocupação laboral.

Júlia Bessa espera que as empresas representadas na feira, nos sectores como da construção civil, indústria pesada e ligeira, alimentar, agricultura, transporte e telecomunicações, com criatividade e competência, façam daquele espaço mais uma oportunidade de investimento.

Desejou aos expositores excelentes negócios para as suas empresas, num convívio competitivo e salutar com os representantes de outros países.

A 34ª edição, que conta com um aumento de 125 expositores em relação a 2017, tem a participação de empresas de Angola (país Anfitrião), África do Sul, Espanha, Estados Unidos da América, Gana, Holanda, Índia, Itália, Macau, Portugal, reino Unido, Rússia, Suécia, Turquia, Uruguai, Japão e Moçambique, que estão a expor numa área de aproximada de três hectares.

Rússia e o Gana são os estreantes, enquanto o Brasil, tradicional participante, é o grande ausente desta edição, que decorrerá sob lema “Diversificar a Economia, Desenvolver o Sector Privado”.

Mantendo a tradição, Portugal continua a ser o maior expositor estrangeiro de sempre e desta vez vem com 25, contra 16 da 2017.

A FILDA decorre até sábado (dia 14).

comentários facebook