Grupo Horizonte Njinga Mbandi reestreia a peça “A Rapariga da Marginal” no...

Grupo Horizonte Njinga Mbandi reestreia a peça “A Rapariga da Marginal” no Epic Sana

COMPARTILHE
A A A

Por: Stella Cortêz

O grupo teatral Horizonte Njinga Mbandi reestreou, na noite de ontem, segunda-feira, 03 de Abril, no hotel Epic Sana, a peça teatral “A Rapariga da Marginal”.

Com o objectivo de levar as pessoas a reflectirem sobre os diversos assuntos que afligem a sociedade angolana, com maior realce para a importância do papel da família, a prostituição e violação de menores, a drama conta a história de uma jovem chamada Sheila, que nasceu de uma família conservadora e que sempre teve um bom relacionamento com os pais, mas que começa a ter problemas com os seus progenitores apos descobrir que está grávida de Ricardo, seu namorado, e este, por sua vez, não assume as responsabilidades e, como consequência, a jovem é colocada fora de casa.

“Como forma de chamar a atenção de muitas famílias que vivem situações de desestruturação entre os seus membros e também mostrar o quanto é importante o papel da família, decidimos trazer a reedição desta peça, um drama que retrata o quotidiano de muitas famílias angolanas e que, de alguma forma, tem afectado a nossa sociedade,” disse Damião Kuvula, porta-voz do grupo.

Importa referir que a peça foi estreada em 2003 e foi levada novamente aos palcos com novos actores, incluindo algumas figuras públicas, como a actriz Tânia Burity, o apresentador Benvindo Magalhães e o Rafael, que é actor e modelo português, além dos habituais actores do Horizonte Njinga Mbandi.

comentários facebook