Grupo Warrant B regressa com “The Best Of”

comentar
4
COMPARTILHE
A A A

Após cerca de dez anos separados, em virtude dos projectos individuais de cada integrante, o grupo de rap Warrant B reaparece em força, com a publicação de um álbum (The Best Of), contendo os seus principais sucessos que marcaram as décadas de 1990 e 2000.

A celebração dos 23 anos de carreira do quarteto é o motivo que levou os cantores Eddy Tussa, Kenny Bus, Melv Dee e Papetchulo a reunirem-se para produzir este CD, com 18 faixas musicais, incluindo três novas: “Eu sou tua”, “Dj não pára a música” e “Celebrando dia 15 anos”.

Em entrevista hoje, quinta-feira, à Angop, a propósito do assunto, Eddy Tussa disse ter sido difícil escolher as “15 melhores músicas” do grupo, entre as mais de 40 divididas pelos três discos até então lançados, designadamente “Batalha” (1999), “Perfil adequado”(2003) e “Preço da Fama” (2007).

Explicou que a ideia do lançamento do novo disco é atender ao pedido dos fãs e mostrar à nova geração a qualidade rítmica, sonora e em termos de composição do rap feito em tempos idos, quando o mercado contava com menos de dez grupos no auge e poucos rappers conceituados.

“Apesar do longo tempo de distanciamento, estamos unidos há quatro anos pela mesma causa e prontos para apresentarmos aos fãs um produto de muita qualidade”, disse o artista, referindo que o The Best Of conta com as participações das cantoras Yola Semedo e Ary.

Depois do lançamento da obra discográfica, o grupo prevê realizar uma digressão pelas 18 províncias do país, para a venda e assinatura de autógrafos do mesmo, assim como efectuar espectáculos para promoção do CD e interacção com o público.

“Baby I know”, “Pipocas”, “Emigração”, “Bate Pemba”, “Lambula”, “Anda a dançar”, “Chance” e “Saudades tuas” são alguns dos hits do Warrant B, que se exibiu pela última vez a 27 de Dezembro de 2008, no então Cine Karl Max, em comemoração dos 15 anos de carreira.

O agrupamento, que após a saída de Papetchulo integrou o rapper Cage One, iniciou-se em 1993 e venceu os prémios “Melhor Vídeo Clip”, “Melhor Performance” e “Grupo de Rap do Ano”, nos concursos Óscar Gil Tv, Channel O e Top Rádio Luanda, respectivamente.

DEIXE UMA RESPOSTA