Jovem são-tomense vence prémio Alda do Espírito Santo “Jovens que Inspiram”

Jovem são-tomense vence prémio Alda do Espírito Santo “Jovens que Inspiram”

COMPARTILHE
A A A

Por: Stella Cortêz

O activista social Mário Lopes, de nacionalidade são-tomense, que ocupa o cargo de Vice-Presidente da Conexão Lusófona e representante do Conselho Nacional da Juventude de São Tomé e Príncipe em Portugal, venceu o prémio Alda do Espírito Santo “Jovens que Inspiram”, uma iniciativa da Associação Mén Non.

Considerado uma mente brilhante que está a mudar a visão dos jovens são-tomenses, Mário Lopes, que reside em Portugal, tem se destacado também no seio da CPLP por ser um agente da mudança e promotor das políticas da juventude e comprometido com a construção de uma nova geração de jovens líderes da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa.

“É uma grande honra para mim, ser galardoado com um prémio com a denominação de sua mentora, é de grande simbolismo, pois fui, em tempos, um dos pupilos da poetisa Alda do Espírito Santo. É também muito especial, porque este reconhecimento vem do público, de todo um percurso que tenho feito, e reforçar o comprometimento da minha parte no empoderamento dos jovens, implantação dos objectivos de desenvolvimento sustentável e na construção de novas lideranças”, descreve Mário Lopes, em reação ao anúncio do prémio feito no dia 13 de Julho.

comentários facebook