Máscara Mwana Pwo atrai multidões na Avenida Paulista

Máscara Mwana Pwo atrai multidões na Avenida Paulista

COMPARTILHE
A A A

Por: Stella Cortêz

O talentoso professor e coreógrafo angolano, Inocêncio Oliveira, com a sua performance “Kubalequessa”, abriu as actividades dos criadores angolanos na segunda edição do festival de Cinema, Artes e Literatura Africana “Fescala”, onde exibia uma enorme máscara da representação cultural da etnia Tchockwe, “Mwana Pwo”.

O espectáculo que foi uma das principais atracções da Avenida Paulista, contou com a participação de vários movimentos artísticos e culturais, onde milhares de pessoas puderam assistir a performance a partir de um dos mais agitados centros económicos de São Paulo. Inocêncio aproveitou o momento para apresentar melhor os conhecimentos sobre os traços típicos da cultura angolana.

O festival que decorre até ao dia 15 de Novembro, tem como objectivo criar um intercâmbio entre os participantes, como forma de celebrar o 20 de Novembro, data consagrada à Consciência Negra no Brasil. Fazem parte do evento, criadores de Angola, Moçambique, Senegal, Níger, República Democrática do Congo, Nigéria, Guiné-Bissau, Etiópia, Gana, São Tomé e Príncipe, África do Sul, Benim e Cabo Verde, bem como do Haiti, Cuba e Brasil.

IMG_4155

comentários facebook