Miss Universo 2019, Zozibini Tunzi revela que sua cabeleireira foi angolana

0

Por: Edueni António

Numa conversa descontraída sobre diversos assuntos abordados na live realizada na noite de ontem, 23, pela organização do Miss Universo, que juntou duas rainhas africanas, Leila Lopes e Zozibini Tunzi, a sul-africana contou para a Leila Lopes que, em 2011, quando esta se tornou Miss Universo, ela tinha tinha apenas 18 anos, a angolana já era uma grande inspiração, pois foi nesta altura que, pela a primeira vez, tinha assistido ao Miss Universo.

“A minha cabeleireira era angolana, chama-se ‘Lydia’, foi ela que me mostrou os jornais, dizendo que uma mulher de nacionalidade angolana tinha vencido o Miss Universo, e que eu também seria capaz de chegar a este patamar”, revelou, emocionada, a Miss Universo 2019.

Por sua vez, Leila acrescentou que Angola não tem a cultura de desenvolver e fazer directamente o concurso de beleza, ou seja, a pessoa aprende assistindo.