National Geographic – 2ª temporada da série ‘marte’ estreia este mês no...

National Geographic – 2ª temporada da série ‘marte’ estreia este mês no national geographic

COMPARTILHE
A A A
The IMSF crew wheels a body for burial. In Season 2 of MARS, the mission to colonize Mars becomes a battle between science and self-interest when a privately held corporation makes its home on the Red Planet. (photo credit: National Geographic/Dusan Martincek)

‘Marte’ está de regresso ao National Geographic para uma 2ª temporada, transmitida a partir do dia 11 de Novembro, todos os Domingos, às 22h30. A história da missão para colonizar o Planeta Vermelho regressa agora, contada através da perspectiva da tripulação de uma missão fictícia que decorre em 2033.

Esta série, considerada pelos críticos como impressionante, inspiradora, cientificamente credível e honesta, regressa com seis episódios e com o formato híbrido da temporada anterior: alternando entre sequências de ficção e documentário, de modo a prever como será a vida no Planeta Vermelho, tendo por base os acontecimentos actuais na Terra.

Nove anos depois da aterragem em Marte, os seis astronautas originais tornaram Olympus Town numa verdadeira colónia. Mas agora o IMSF – uma agência financiada pelo estado – não pode continuar a financiar a expedição a Marte e, por isso, as portas estão abertas para o sector privado. O futuro da missão será para sempre alterado quando mineiros de Lukrum – uma corporação com fins lucrativos – chegam a Marte e tornam-se agora novos vizinhos dos astronautas.

Do lado da ficção, a série aborda temas aparentemente quotidianos – gravidez, rupturas de relações, novos romances, epidemias, colapsos, quedas de energia, lesões, exercícios, refeições e questões sociais. Mas quando estas ocorrências acontecem aproximadamente a 54,7 milhões de quilómetros isolados da Terra – onde não há fuga possível – elas são tudo menos comuns e ganham contornos distintos.

Do lado do documentário, cenas do presente traçam paralelos com os acontecimentos do futuro em Marte, tendo em conta alguns dos terríveis problemas enfrentados pela última fronteira da Terra – o Ártico. Isto ao mesmo tempo que nos tornamos uma espécie interplanetária há um conjunto de circunstâncias que actualmente comprometem a vida na Terra e que poderá atormentar-nos no futuro: o degelo, o aumento do nível do mar e epidemias de saúde indígenas que emergem quando o gelo derrete, são algumas das tragédias previstas.

Como na temporada anterior, a National Geographic estabelece parceria com Brian Grazer, Ron Howard, Michael Rosenberg e Justin Wilkes da Imagine Entertainment, assim como com os produtores executivos Jon Kamen e Tommy Turtle da RadicalMedia, para imaginar o que poderá acontecer quando os terráqueos se tornarem os primeiros “marcianos” do planeta.

Um grupo de especialistas ajudou na produção da série mostrando ao público os desafios e oportunidades que aguardam os humanos em Marte. O grupo inclui alguns dos grandes nomes na exploração, tecnologia, ambiente e ciências sociais, tais como Elon Musk, CEO da SpaceX; Andy Weir, autor do livro ‘The Martian’; Ellen Stofan, ex-chefe da NASA; Leland Melvin, ex-astronauta da NASA; Michio Kaku, físico teórico e futurista, entre outros especialistas de áreas distintas.

O elenco de ‘Mars’ é constituído por actores que regressaram da primeira temporada, juntamente com várias novas caras, incluindo Jihae (‘Mortal Engines’), Jeff Hephner (‘Med Chiago’) e Esai Morales (‘Ozark’).

SINOPSE DOS EPISÓDIOS

‘MARTE: Não estamos sozinhos’
Estreia: Domingo, dia 11 de Novembro, às 22h30
Depois de quase uma década sozinhos em Marte, os cientistas da Olympus Town do IMSF, agora completamente desenvolvida, preparam-se para a chegada de um grupo de astronautas de grande prestígio que trabalham para a Lukrum, uma empresa com fins lucrativos especializada na extracção de recursos naturais. A bordo da plataforma petrolífera mais a norte de todo o mundo, as condições atmosféricas extremas simulam um ambiente de trabalho marciano. Um trabalhador partilha como é estar longe da família por três semanas.

‘MARTE: Mundos à Parte’
Estreia: Domingo, dia 18 de novembro, às 22h30
A dedicada coexistência entre as duas colónias de Marte ameaça dissolver-se. Os activistas da Greenpeace vão para os mares protestar contra a exploração de petróleo no Ártico. As relações entre o IMSF e a Lukrum, que partilham agora a fonte de água e energia, estão sob tensão provocada por uma nova descoberta; Hana lida com uma tragédia pessoal e Amelie prepara-se para voltar à Terra. No presente, os activistas da Greenpeace vão para os mares para protestar contra a exploração de petróleo no mar de Barents e a eficácia das suas estratégias é examinada.

‘MARTE: Na Escuridão’
Estreia: Domingo, dia 25 de Novembro, às 22h30
Quando uma erupção solar assola o planeta e impossibilita a comunicação intra e intercolónicas, a equipa Olympus Town corre contra o tempo para localizar Marta, que fica presa durante uma expedição não autorizada. No presente, um cientista e a sua equipa tentam fazer frente a condições perigosas em busca de dados que permitam prever os efeitos do derretimento dos glaciares nos níveis da água do mar.

Sobre o canal National Geographic:
O National Geographic (NAT GEO) convida os telespectadores a irem “mais além” através de uma programação inteligente, inovadora e inspiradora que desafia as perceções de cada um, a forma como vemos o mundo e o que nos impele para o progresso. O NAT GEO é um canal dinâmico que analisa e documenta temas relevantes e actuais muito diversos: versa sobre o ser humano, a vida animal, invenções e ciências do futuro, tecnologia e legados históricos, sociais, geográficos e antropológicos que contribuíram e contribuem para a construção da sociedade actual. Em Angola, o canal é distribuído pela FOX Networks Group (FNG), empresa multimédia subsidiária da 21st Century FOX, e está disponível nos operadores DSTV e ZAP.

comentários facebook