Obra de arte do angolano Armando Scoott é censurada na “IX Bienal...

Obra de arte do angolano Armando Scoott é censurada na “IX Bienal de jovens criadores da CPLP”

COMPARTILHE
A A A

Por: Iraneth da Cruz

Depois do convite do Ministério da Juventude e Desportos para participar da IX Bienal de Jovens Criadores da CPLP, que aconteceu de 24 a 28 de Julho, o artista plástico Armando Scoot sente-se inconformado pelo facto de uma das suas obras não ter sido exposta. Indignado com a situação, o jovem artista perguntou aos colegas o que se passava, e foi informado que a obra foi censurada porque apresentava carácter imoral.

Mesmo não vendo a sua obra no lugar em que alegadamente deveria estar, a organização queria uma explicação sobre a mesma, sendo assim, o jovem explicou o conceito do enigma:

“A obra tem como objetivo principal fazer uma chamada de atenção a não valorização de muitos talentos africanos em África, razão pela qual, muitos são os que olham para a Europa como meio de refúgio, uma vez que é lá onde muitos têm aceitação nas suas áreas profissionais”, explicou o artista.

Depois da sua explanação, a organização ficou surpresa pelo conceito da obra, que no dia seguinte, o artista foi solicitado para que vendesse a mesma.

“Nunca devemos julgar os nossos quadros nacionais pela capa, pois Angola tem quadros jovens suficientes para o desenvolvimento deste nobre país. O que nos falta é de pessoas que acreditem em nós na íntegra e nos deem a oportunidade de mostrarmos o quanto somos capazes. Vamos contar a história de um país onde gente se move, pois, o sentido da vida é encontrar o seu talento. O propósito da vida é compartilhá-lo”, terminou Armando Scoot, depois de ter sido solicitado a venda da obra censurada.

received_921343574874179

comentários facebook