Os 10 maiores salários da função pública em Angola

Os 10 maiores salários da função pública em Angola

COMPARTILHE
A A A
Presidente de Angola

Por: Iraneth da Cruz e Sued de Oliveira

Revisão: Canga Tomás

De acordo o reajustamento do vencimento-base do presidente da república e dos titulares da função executiva do Estado, conferido pelo pelo Diário da República, trazemos, para os nossos leitores internautas, uma lista com os 10 maiores salários da função pública, que destaca o Chefe de Estado com uma remuneração-base mensal de 621 mil Kwanzas, um valor 32 vezes acima do auferido pelos profissionais da última das 75 categorias da função pública.

1 – Presidente da República

Com regalias de despesas de representação convertidas em mais de 60% do salário-base, o presidente da república tem um vencimento total de 1.024.207.74  Kwanzas;

2 – Vice-presidente da República

O vice-presidente é uma figura que se encaixa em diversas situações, podendo substituir o presidente em situações em que este se encontra impedido, e tem um salário total de 843.371.06 Kwanzas, distribuído em 544.110.36 para o salário-base e 229.260.70 em despesas de representação;

3 – Ministro do Estado

O Ministro do Estado, que também ocupa a chefia da Casa da Militar, tem um ganho total de 768.155.81 Kwanzas, distribuído em 512.103.87 Kwanzas para o salário-base e 256.051.95 em despesas de representação;

 4 – Ministro e Governador do Estado

As duas entidades estatais possuem um ganho total de 696.141.20 Kwanzas, distribuído em 480.097.38 Kwanzas para o salário-base e 216.043.8 em despesas de representação;

 5 – Secretário de Estado, Vice-ministro e Vice-governador provincial

As três entidades acima citadas possuem um ganho total de 627.327.24 Kwanzas, distribuídos em 448.090.89 Kwanzas para o salário-base e 179.236.35 em despesas de representação;

 Depois dos cinco cargos acima referenciados, seguem-se os salários dos titulares de cargo de direcção e chefia na função pública.

 6 – Director nacional, Secretário-geral, Director de gabinete de membro do governo, Secretario-geral da UAN, Director-geral de instituições públicas, Director de gabinete jurídico, Director de gabinete de estudos planeamento e estatística e director de gabinete de intercâmbio internacional.

Todas estas entidades possuem um ganho total de 408.507.44 Kwanzas distribuídos em 348.422.87 para o salário-base e 68.084.57 em despesas de representação;

7 – Director geral-adjunto de instituições públicas, Inspector geral-adjunto, Director dos serviços de reitoria, Director geral do centro social da UAN, Delegado provincial, Director provincial/ Director de gabiente provincial, Inspector provincial e Administrador municipal.

 Estes membros do governo auferem um rendimento total avaliado em 365.506.66 Kwanzas, distribuídos em 304.588.88 Kwanzas para o salário-base e 60.917.78 em despesas de representação;

8 – Administrador municipal-adjunto.

O Administrador unicipal-adjunto aufere um rendimento total de 301.005.48 Kwanzas, distribuídos em 250.837.90 para o salário-base e 50.167.58 Kwanzas em despesas de representação;

 9 – Chefe de departamento, Director adjunto de gabinete de membro do governo, Director de gabinete de relações públicas da UAN, Chefe de centro de documentação e informação, Inspector-chefe de primeira classe.

Estes responsáveis ganham um total de 286.671.89 Kwanzas, distribuídos no mesmo valor em vencimento-base sem despesas de representação;

10 – Administrador Comunal

O Administrador Comunal possui um ganho total de 258.004.70 Kwanzas, distribuídos em 215.003.92 Kwanzas como salário base e 43.000.78 em despesas de representação.

comentários facebook