“Parceria entre o Grupo MENER e a Altafonte Music, promove lançamento de...

“Parceria entre o Grupo MENER e a Altafonte Music, promove lançamento de obras musicais

COMPARTILHE
A A A
A organização do evento anual, que tem por objectivo promover a cultura musical de Angola através da premiação do trabalho dos melhores e mais populares artistas e criadores da música Angolana, vai apresentar no dia 22 de Novembro, às 17 horas no Espaço XKINA Bar Lounge (próximo a Vila do GAMEK) o lançamento de dois EPs (extended play), na plataforma digital Altafonte Music Network, no âmbito da parceria existente entre aquela empresa internacional e o Grupo MENER (empresa responsável pela organização dos Angola Music Awards), sendo os autores das obras os músicos angolanos Vlado Coast e Hélio Plasma.
 
Conforme já tivera sido informado anteriormente, todos os músicos nomeados ao AMA 2016, teriam a oportunidade de assinar um contrato de distribuição dos seus álbuns e músicas, com a editora Espanhola Altafonte Music Network, para a distribuição e venda online, através das plataformas digitais espalhadas pelo mundo, tais como: iTunes, Amazon, YouTube, Google play, Meo music, Spotify, Deezer, Music Unlimited, entre outras.
 
Esta oportunidade é abrangente aos músicos que, mesmo não sendo nomeados aos AMA, pretendam lançar as suas obras por intermédio do Grupo MENER. A Altafonte Music Network é uma editora espanhola de dimensão internacional que neste momento é representada em África pelo Grupo MENER, detentor dos Angola Music Awards, no âmbito da parceria de divulgação dos artistas a nível internacional, o que proporcionou a criação de nova categoria no concurso AMA designada “Artista Digital Altafonte”, sendo que a editora é a patrocinadora da referida categoria.
 
Vlado Coast: Nome artístico de Vladimiro H. de Jesus, é um cantor e compositor que entrou no mercado musical em 1999, como cantor Piô, num projecto criado pela Rádio Nacional de Angola (RNA), tendo lançado um tema musical intitulado “Dança da gasosa” e tendo participado da colectânea discográfica do projecto “Caluanda Piô no ano 2000”. Natural da província do Cunene, o jovem de 24 anos de idade venceu, ao longo dos seus dez anos de carreira, o “Top Spin Festival” em 2011, na Namíbia, com a música “Yes Sir”, o que lhe valeu (como reconhecimento) um diploma, uma estatueta, e trinta mil dólares norte-americanos. “No Sleep” será o título da obra que contará com 14 faixas musicais, com destaque para “Tambula”, “Elumba”, “Tuchacani”, “O que é que ela tem” e “Não faz massa”, musicadas maioritariamente no estilo afro-pop, em português, inglês e kwanhama-oshiwambo (esta última língua nacional). O compositor que foi vencedor da categoria “Artista Digital Altafonte” na 4ª edição dos AMA tem, para além da música, a paixão pelo jornalismo, sendo que desempenha Comunicado de Imprensa Nº 14.2016 2 funções na Rádio Nacional de Angola, aonde apresenta programas de entretenimento na língua nacional Kwanhama.
 
Hélio Plasma: Nome artístico de Hélio Roberto da Silva Inácio, cantor e compositor que começou a dar os seus primeiros passos no mundo da música ainda na adolescência, altura em que integrou o Grupo “Craques MCs”, no ano de 2005. Deu início a sua carreira a solo em 2008 e juntou-se de imediato à Produtora Freakshino 3862, a quem se encontra ligado até ao momento, pelo que conta actualmente com 3 Mixtapes lançadas nos anos 2012, 2013 e 2015. “Plasma vs Hélio” é o título do álbum discográfico que contém 15 faixas musicais, o qual será lançado igualmente dia 22/11/2016 na plataforma digital em apreço, e conta com a participação de vários músicos da nossa praça. Actuarão ao vivo, neste evento, os artistas convidados: Mestre Dangui, Fresh Gang, Magic Boyz, Narcy, Keyshow e Weyda Múmia (Cantor Santomense vencedor da categoria “Melhor Hip Hop” nos STP Music Awards de 2015 e 2016)

comentários facebook