SSW’18 recebe mais de 4.000 festivaleiros na “Meca do surf” em Angola

SSW’18 recebe mais de 4.000 festivaleiros na “Meca do surf” em Angola

Maior festival de verão de Angola bate recorde de participantes

COMPARTILHE
A A A

O SSW (Social Surf Weekend) bateu novo recorde reunindo, durante 3 dias de festival, mais de quatro mil aventureiros na Praia dos Surfistas, em Cabo Ledo, considerada a “meca do surf” em Angola. Um fim-de-semana dedicado à espiritualidade, ecologia e “SurfCulture” foi o tempo necessário para o maior festival de verão de Angola, um evento que tem vindo a somar participantes de várias nacionalidades e pontos do país, destacando-se pela forte participação e integração de festivaleiros das províncias da Huíla, Benguela, Namibe e Huambo, sendo que nesta sexta edição superou todas as expectativas.

Com o apoio institucional do Ministério do Turismo e do Polo de Desenvolvimento Turístico de Cabo Ledo, patrocinado pela Nocal e organizado pelo Social Team Angola, o SSW’18 ofereceu ao público um programa bastante variado com workshops e competição de surf, boa música à volta da fogueira, performances de DJs nacionais e internacionais, sessões de meditação, aulas de yoga e um enorme espaço de acampamento que foi preenchido com muita cor, diversidade e animação pelos festivaleiros.

As províncias do sul do País estiveram em peso no maior festival de verão de Angola, com a animação pelos DJs Py Alves (Benguela), Kalleza (Lubango) e Mauro Mix (Namibe), que se juntaram ao DJ Callas, vindo da capital Angolana, e à dupla internacional Jonh Mayze & Miguel Faria para os melhores mix de sábado à noite

62SSW18 64SSW18 image1 image2 image3 image4

comentários facebook