Virgílio Fula fala da carreira e dos altos e baixos que passou...

Virgílio Fula fala da carreira e dos altos e baixos que passou durante a vida

VIRGÍLIO FULA: DE ENGRAXADOR À JORNALISTA DE IMPACTO SOCIAL

COMPARTILHE
A A A

Por: Iraneth da Cruz

Casado e pai de dois filhos, Virgílio Fula ou simplesmente “O Repórter da Nação”, chegou à Luanda nos anos 80 em consequência do conflito armado na Província do Bengo, sua terra natal. VF contou à sua trajectória de vida antes de chegar aos ecrãs da TV Zimbo.

ONTEM VENDEDOR AMBULANTE. HOJE REPÓRTER DE INTERVENÇÃO

Virgílio Fula fez os estudos primários no Município de Pango Aluquem, concluiu o ensino médio em Luanda, e durante as vicissitudes da vida, chegou a engraxar sapatos e vendeu cigarros no mercado dos Kwanzas, Bairro do Kicolo. Ainda como vendedor, comercializou chinelas no famoso e extinto mercado do Roque Santeiro no Sambizanga. Foi Segurança e também professor.

Além das dificuldades já citadas, o jovem passou também por muitas outras. Um ano após as primeiras eleições, em 1993 emigrou para Portugal e por lá também fez alguns trabalhos duros como os de pedreiro, carpinteiro e outros. Durante a sua estadia nas terras de Camões, VF frequentou o curso de jornalismo e estagiou no Jornal de Montijo.

Platina Line: Quando surgiu a paixão pelo jornalismo?

Virgilio Fula: A paixão pelo jornalismo começou já em Angola, sempre gostei de ver e ouvir o Ernesto Bartolomeu, Símone e outros profissionais da área.

Platina Line: Enquanto repórter, qual é a sua tua meta?

SER UM DOS MELHORES DO MUNDO

Virgílio Fula: Como já trabalho nesse ramo há sete anos, a minha meta como repórter é ser um dos melhores do mundo, porque não o melhor!?

Platina Line: Quais são os profissionais da sua área que mais admira a nível nacional e internacional?

Virgílio Fula: Os profissionais que muito admiro são: Ernesto Bartolomeu, Salú Gonçalves, Carlos Capitango, Joana Tomás, Esmeraldo Baptista, Jaqueline Saluvo, Moura Jorge, Mario Júlio Afonso,Tatiana Reis,Laurinda Calças, Djamila dos Santos, Teka kanga, Patrícia Pacheco, Jorge Gomes, Domingos Jojô, Herman José, Rodrigo Faro, Márcio Garcia, Samuquinha, Eliane, Jo o gordo, Sérgio Amorim.

PL:Quando começou a trabalhar no “Fala Angola”, alguma vez pensou que se tornaria bastante popular com a sua frase “O Repórter da Nação”?

VF:Nunca imaginei que tornaria tão popular, mas como homem de fé, tinha certeza que este dia haveria de chegar, apesar do cepticismo de pessoas próximas, mas chegou.

PL: Durante esse período de reportagens no “Fala Angola”, qual é a história que mais lhe marcou e porque?

VF: Muitas histórias marcaram-me, mas a história de Victória que foi queimada pelo marido na virada de ano, pelo facto dela ter se recusado a ter relações sexuais com ela…esta mexeu comigo.

PL: Como é trabalhar com o Salú Gonçalves?

SER JUSTICEIRO

VF: Trabalhar com Salú é uma das melhores experiências que tive na vida e acredito que será a única, até porque temos muitas coisas em comum. Ser os justiceiros do nosso povo, ser a voz daqueles que não tem voz e claro, chamando a razão do executivo, notificando pontos que estão fora dos seus olhares e trazer à tona para uma possível resolução; isso é muito satisfatório!

PL: Como é o seu dia típico de trabalho na TV Zimbo?

VF: Meu dia na TV Zimbo é ouvir casos , receber denúncias, correr atrás dos acontecimentos e trazer ao público, na tela claro!

PL: Para além do jornalismo tem alguma outra paixão? Se sim, qual é?

VF: Sim. Artes marciais. Adoro praticar luta. Está no sangue.

PL: Uma vez que está nomeado pela primeira vez nos Globos de Ouro, o que tem a dizer sobre esta nomeação?

JÁ NÃO VIVO PARA MIM

VF: Honestamente falando, não me sinto digno de tamanha nomeação, uma vez que existem no mercado gurus, mas acredito que a organização tem visto meu esforço em prol do meu povo. Já não vivo para mim; vivo para as necessidades dos angolanos. Daí se calhar, a escolha. Por isso agradeço.

PL: O que o Virgílio gosta de fazer nos tempos livres?

VF: Gosto de ler, comer, brincar, contar piadas. Aproveitar os prazeres da vida de forma saudável, sempre respeitando o princípio da sã convivência entre às pessoas.

PL: Último livro que leu…

VF: Obama, O Segredo Para a Vitória.

PL: Comida preferida:

VF: Arroz com Feijão.

PL: Local preferido que gosta de estar, quando não está a trabalhar?

VF: Gosto de estar na igreja ou à beira mar. Adoro sentir a brisa do mar.

PL: Perfume preferido:

VF: Não tenho preferência. Não levo jeito para escolher, mas desde que tenha bom aroma l, para mim já está de bom tamanho (risos).

PL: Família:

VF: Família é o bem mais preciso, foi Deus quem criou a primeira instituição familiar não tem como.

IMG-20190319-WA0020 IMG-20190319-WA0021 IMG-20190319-WA0022

comentários facebook