Yola Semedo faz vibrar Casa 70

Yola Semedo faz vibrar Casa 70

COMPARTILHE
A A A

Por: Nelma Inglês
Fotos: Edueni António

“Filho Meu” foi a música escolhida para abrir as cortinas da gala em homenagem às mulheres, realizada ontem, quinta-feira, 09 de Março, na Casa 70, evento que teve como anfitriã da noite a diva da música angolana, Yola Semedo.

“Escolhi esta música para dar início a este evento para homenagear as mulheres presentes nesta sala, em especial a minha querida mãe”, justificou a cantora emocionada.

A autora de “Injusta” brindou os presentes com músicas do seu vasto repertório, das mais antigas às mais recentes, e alguns clássicos nacionais e internacionais de formas a confortar e a agradar todos os presentes, como fez saber a cantora. “Fiz esta mistura no repertório preparado para esta noite porque é importante fazer um estudo da sala com o objectivo de comunicar com o público, ter uma dinâmica de canto e de repertório e tornar o evento mais ritmado”, sublinhou.

Numa iniciativa da Promofun, a gala também foi animada pelos artistas Yuri da Cunha e Totó, que foram as surpresas da noite a convite de Yola Semedo, que, segundo a cantora, foram convidados porque dominam muito bem a arte de cantar e agradam as mulheres com as suas canções.

Em entrevista ao nosso site, o show man Yuri da Cunha reconheceu que para fazer dueto com a diva, é preciso “bater bola baixo” como se diz na gíria, porque a artista carrega consigo um timbre vocal peculiar e é sempre um prazer cantar com uma mulher como Yola Semedo. Para Totó, cantar “mulher” é sempre uma honra, porque elas inspiram e agradeceu à vocalista da banda Impactus 4 pelo convite.

Para a alegria dos seus admiradores, Yola Semedo garantiu que está trabalhar na finalização do seu próximo CD, que será lançado ainda este ano.

comentários facebook