Chadwick Boseman distinguido com Globo de Ouro a título póstumo

0
170

Por: Stella Cortêz

A organização dos prémios Globos de Ouro 2021, gala que visa honrar os melhores profissionais de cinema e televisão, distinguiu nesta segunda-feira, 1 de Março, a título póstumo, como melhor actor dramático, Chadwick Boseman, numa cerimónia em que a Netflix foi a grande vencedora.

Falecido em Agosto de 2020, aos 43 anos de idade, Chadwick Boseman foi premiado pelo seu papel no filme “Ma Rainey: a mãe do blues”, de George C Wolfe, durante a 78.ª edição dos Globos de Ouro que decorreu de forma virtual, por causa da covid-19, contando com a apresentação de Tina Fey e Amy Poehler, e a participação de alguns dos laureados do ano passado.

Ao longo da realização da gala de premiação da associação que foi amplamente criticada por ter excluído das nomeações dos Globos de Ouro várias produções que são potenciais candidatos aos Óscares, Netflix, que contava com 42 nomeações, venceu a maioria dos prémios para televisão, bem como o filme “Nomadland”, que venceu nas categorias de melhor filme e melhor realização.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments