- Publicidade -
Início* NotíciasCo-fundador do Kassav Jacob Desvarieux em coma induzido

Co-fundador do Kassav Jacob Desvarieux em coma induzido

- Publicidade -

O Co-fundador do grupo caribenho francês Kassav, Jacob Desvarieux, está em coma induzido depois de testar positivo para Covid-19 no hospital Pointe-à-Pitre, em Guadalupe.

Na segunda-feira, a gerência da banda divulgou um comunicado na sua página do Facebook a informar que Desvarieux foi colocado em coma artificial para obter todos os cuidados necessários. Foi igualmente acrescentado que este era o protocolo médico padrão em pacientes com complicações grave da Covid-19.

Estudos científicos apontam que pacientes em coma induzido, devido à intubação, ao ouvirem gravações de familiares apresentam recuperação mais rápida. Mesmo sedados eles podem produzir respostas fisiológicas, como alterações na respiração e expressões faciais.

No passado dia 12 de julho, a página partilhou uma publicação da página de Desvarieux no Facebook, que dizia que após um exame médico de rotina no hospital, ele testou positivo para Covid-19. Em seguida, informou-se que ele permaneceria em observação e todos os shows programados foram cancelados durante o período de quarentena. Por outro lado, um artigo do Huffington Post, de 19 de julho, disse: “Diabético e tendo passado por um transplante, a saúde de Jacob Desvarieux é particularmente monitorada após testar positivo para o coronavírus durante um check-up.”

Desvarieux é destaque no Baile 2019 de Machel Montano. O grupo Kassav foi formado em 1979 e possui mais de 20 álbuns. O grupo se apresentou no Super Concerto Island Beats 2019, realizado durante a Carifesta em TT.

Fonte: NewsDay

- Publicidade -spot_img
Mais recentes
Artigos relacionados
- Publicidade -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments