Desde o início de Maio e até ao final de Junho estão a ser distribuídas em Angola dez mil cestas de produtos de primeira necessidade. Esta iniciativa, da responsabilidade da organização não governamental Luz Banco Alimentar, faz parte de uma operação mais ampla, que está a ser levada a cabo em diversos países africanos pela Fundação Mohammed bin Rashid al Maktroum.

Luanda, 3 de Junho 2021 – A Luz Banco Alimentar está a distribuir, entre Maio e Junho, cerca de seiscentas mil refeições por vários bairros, comunidades e lares para crianças e idosos com o apoio da Angoalissar, empresa angolana que opera na área da distribuição alimentar. Para além de doar parte dos bens distribuídos, esta empresa apoia esta iniciativa com o envolvimento directo dos seus colaboradores, que se disponibilizaram para participar no embalamento e acto de entrega das cestas básicas já finalizadas.
No total, estas seiscentas mil refeições vão contribuir para melhorar a alimentação diária de milhares de famílias e combater a desnutrição de outras tantas, sobretudo num período em que a pandemia da COVID-19 fez disparar o desemprego em Angola e a falta de recursos financeiros é notória no seio das famílias.
Para a Presidente da Luz Banco Alimentar, Hiba Nesr, poder levar a cabo este projecto em Angola significa o percorrer de uma longa caminhada em prol do bem-estar social das famílias angolanas. “Testemunhar em nome próprio o impacto das doações efectuadas nos locais e às pessoas onde são mais necessárias é por demais gratificante e uma forte alavanca para que continuemos a desenvolver acções desta natureza e para que continuemos a ajudar quem mais precisa”, sublinha.
A mesma responsável lembra que esta acção faz parte da campanha “Cem Milhões de Refeições”, criada pela Iniciativa Global da Fundação Mohammed bin Rashid, sedeada nos Emirados Árabes Unidos, e que visa combater a fome e a desnutrição em todo o mundo. Hiba Nesr enfatiza que a Luz Banco Alimentar está “extremamente grata a esta organização por lhe ter confiado a materialização da campanha também em Angola, país cuja população mais carenciada precisa de ser amplamente apoiada nestes tempos mais difíceis.”
Recorde-se que a Luz Banco Alimentar é uma organização não-governamental sem fins lucrativos que opera em Angola desde 2016. Tem como missão distribuir alimentos aos mais necessitados e, ao mesmo tempo, combater o desperdício alimentar. Para o materializar colabora activamente com as autoridades locais, assim como com diversas instituições de solidariedade social internacionais e com parceiros empresariais sólidos e estratégicos, por forma a que o impacto das suas acções produza bons resultados nas comunidades onde são implementadas.