- Publicidade -

More

    Dia Mundial da Limpeza celebrado em Angola com mais de 200 voluntários na Praia da Areia Branca em Luanda

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Luanda, 17 de Setembro de 2022 – Voluntários da Associação Nação Verde, com o apoio da Coca-
    Cola e da Refriango, recolheram hoje 1,5 toneladas de resíduos sólidos da Praia da Areia Branca,
    em Luanda. A acção marca o Dia Mundial de Limpeza, celebrado em mais de 191 países, e pela
    terceira vez em Angola.
    O Dia Mundial da Limpeza foi criado em 2008, na Estónia, onde mais de 50.000 voluntários se
    juntaram durante 5 horas para limpar o país. Esta mobilização inspirou o mundo na
    responsabilização individual e na sensibilização para a importância do tratamento e reciclagem
    dos resíduos.
    A limpeza da Praia da Areia Banca, na Comuna da Kinanga, Distrito Urbano da Ingombota, Luanda,
    marca um conjunto de acções similares que a Associação Nação Verde tem vindo a desenvolver
    nos últimos anos, com vista à sensibilização para a importância do tratamento do lixo e da
    preservação do meio ambiente.
    Durante três horas, 204 voluntários, entre os quais funcionários das empresas Coca-Cola
    Company, Refriango, Sonils, Gabinete do Ambiente e Gestão de Resíduos do GPL Distrito Urbano
    Ingombotas, Escuteiros Marítimos de Angola, do agrupamento 24, São Joaquim e a comunidade,
    recolheram uma tonelada e meia de garrafas de plástico PET acumuladas no areal da praia.
    Segundo o representante da Associação Nação Verde, Nuno Cruz, a limpeza da praia da Areia
    Branca tem como objectivo “alertar as entidades e a população para o impacto extremamente
    nocivo para o ambiente marinho dos resíduos que se encontram no estuário da Kinanga".
    “Até hoje, promovemos 5 acções de limpeza neste local, mas obviamente que não vamos
    conseguir eliminar o problema deste estuário, daí a necessidade de chamar a atenção de todos.
    Estes resíduos reflectem-se nas nossas mesas, porque os peixes confundem-nos com alimentos e
    ingerem-nos. Razão pela qual o nosso lema: Meu Resíduo, Minha Responsabilidade”, acrescentou.
    A Coca-Cola esteve presente no terreno a apoiar a acção, dentro do âmbito do projecto mundial
    WWW – World Without Waste (mundo sem lixo). De luvas e com uma pá na mão, a Gestora Sénior
    de Activação da Coca-Cola em Angola avançou que “a recolha de resíduos faz parte do desafio
    Global da Coca-Cola de ver um mundo sem lixo. É a nossa missão por cada Coca-Cola consumida,
    cada garrafa recolhida”. Como notou Paula Lima Matoso, “é fundamental participar e apoiar
    acções que visam garantir a sustentabilidade do meio ambiente, pois é mais um passo rumo ao
    desenvolvimento da economia circular que queremos reforçar no nosso país”. Neste sentido,
    relembra, “a Coca-Cola tem desenvolvido várias iniciativas que promovem a aceleração da recolha
    de plástico usado no nosso país.” “Até ao final do ano, vamos instalar ecopontos em locais
    estratégicos em Luanda, onde os consumidores poderão facilmente depositar garrafas de plástico

    que os catadores recolherão e venderão às empresas de reciclagem”, informou a gestora sénior da
    Coca-Cola.
    A par da Coca-Cola, a Refriango marcou também presença na acção de limpeza da Praia da Areia
    Branca. Tânia Jardim, Directora Executiva de Marketing da engarrafadora oficial da Coca-Cola em
    Angola, comentou que “a melhoria e o cuidado com o meio ambiente devem ser responsabilidade
    de todos. Para a Refriango, estas iniciativas são fundamentais.”
    “A Associação Nação Verde tem feito um óptimo trabalho junto das populações, formando-as
    sobre a importância das questões ambientais e da recolha e a separação correcta dos resíduos.
    Num dia tão simbólico como este, é fundamental sensibilizar uma vez mais as pessoas e explicar o
    impacto desta acção para o meio ambiente, a importância da separação do lixo e a correcta
    recolha para posterior transformação.”, avançou.
    A Associação Nação Verde é uma das instituições angolanas com ampla experiência no sector da
    reciclagem a candidatar-se para integrar um programa de financiamento específico da Fundação
    Coca-Cola África para apoiar iniciativas ligadas à sustentabilidade ambiental.

    Osvaldo
    Osvaldo
    Editor da Platina Line
    Share this
    Tags

    A Bombar

    Governo  pode regular horários de venda e consumo de bebidas alcoólicas

    Angola poderá implementar ainda este ano um período específico para a venda e consumo de bebidas alcoólicas em todo o território nacional. A proposta...

    Maior feira de livros flutuante do mundo chega a Luanda

    A Logos Hope, a maior feira de livros flutuante do mundo, está chegando a Luanda, Angola, pela primeira vez na história da Logos Hope....

    Maior feira de livros flutuante do mundo chega a Luanda

    A Logos Hope, a maior feira de livros flutuante do mundo, está chegando a Luanda, Angola, pela primeira vez na história da Logos Hope....

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto