- Publicidade -
Início* ExposiçõesForças da natureza agitam a galeria tamar golan

Forças da natureza agitam a galeria tamar golan

- Publicidade -

A Galeria Tamar Golan, da Fundação Arte e Cultura, apresenta Força da Natureza, uma exposição individual do jovem artista angolano Serafim Serlon. A exposição será inaugurada na Sexta-feira 20 de Abril, pelas 18:00 horas, ficando patente público até ao dia 14 de Maio. A exposição estará patente ao público de Segunda-feira a Sábado, entre as 12:30 e as 19:30.IMG-20180416-WA0002 Ulamba No

O artista
Natural do Luena, Moxico, Serafim Segundo Yssolo nasceu a 13 de setembro de 1992. Estudou no Instituto Médio Industrial de Luanda (IMIL), especializando-se como desenhador projectista. A sua formação em arte, que completou em 2005, foi feita na Escola Vocacional de Artes Plásticas (EVA) em Viana. O seu percurso profissional inclui as exposições colectivas Coopearte na Galeria Celamar, em 2009 e 2010, em 2017 no Atelier Guilherme Mampuya e, já em Fevereiro deste ano, no HCTA, também com Mampuya. “Vida Sobre Restos”, a sua primeira exposição individual, teve lugar em Outubro do ano passado na Escom. A Galeria Tamar Golan recebe agora “Força da Natureza”, aquela que é a primeira grande exposição individual do artista.

Sobre a exposição e sobre o artista
Desde os tempos mais remotos que se provou que a crítica esteve sempre decalcada na história das leituras das obras artísticas, num exercício do olhar sobre o que há de mais belo nas artes. Por outras palavras, a arte é uma linguagem com regras específicas e, não fugindo a estas regras, o artista mostra-nos imagens geradas pelas telas que sustentam interpretações subjectivas dos observadores, imagens repletas de erotismo e sensualidade, imagens da mulher geradora da Nação, tendo em conta que estas imagens não se encontram somente no signo que a gere mas também no pensamento de quem observa obras como Ndi Sulünlë (despe-me), Wosi wove (só tua), Cikale Nõ (Deixá Só Já), Ensajo Lika (alegria).

Com uma expressão dialética nacional proveniente do Sul, o artista vem com um rigor poético mostrar que não somos, nem nunca seremos, predadores, mas sim presas inofensivas diante de uma da mais lindas e potentes armas da mulher, a “sensualidade”, mulher que desafia os conceitos e valores do mundo actual, que anda no lado oposto da carruagem feminista, que tem o único gemido capaz de silenciar o universo, o de gerar o mundo.
Cláudio Gomes
A Galeria
A Galeria Tamar Golan, da Fundação Arte e Cultura, é um projecto cultural inovador e alternativo, sem fins lucrativos, que visa promover as artes plásticas angolanas e apoiar jovens talentos, que de outra forma dificilmente teriam uma oportunidade. Todas as receitas da galeria são canalizadas para os projectos sociais da Fundação. Criada em 2013, ano em que a Fundação completava o seu 7º aniversário, a Galeria Tamar Golan está situada na histórica baixa de Luanda, na Rua Rainha Ginga, nº187, no edifício conhecido como “Edifício das Embaixadas” (por trás da Pinto Basto). A Galeria está aberta ao público de Segunda a Sábado, das 12:30 às 19:30.

Contributo de responsabilidade social do Grupo Mitrelli, a Fundação Arte e Cultura conta com o apoio dos seus parceiros estratégicos, o Grupo Siccal (Andrades), a Agência de Comunicação OnTime e o Luanda Medical Center.

- Publicidade -spot_img
Mais recentes
Artigos relacionados
- Publicidade -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments