- Publicidade -

More

    Governo Angolano Reage á Morte de Zulmira

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Foram necessários 4 dias , depois de intensos apelos por parte de jovens e órgãos de informação, para se ter uma reação por parte das autoridades angolanas.  O Embaixador de Angola no Brasil, Nelson Cosme, disse  que os familiares da malograda Zulmira Cardoso, estudante assassinada terça-feira última, em São Paulo, e de outros três cidadãos angolanos feridos, terão assistência jurídica de advogados para defenderem os seus interesses.

    A informação foi prestada durante uma reunião, em São Paulo, com os familiares, antes da transladação dos restos mortais de Zumira Cardoso para Angola.

     De acordo   o diplomata já foram feitos contactos junto das autoridades brasileiras no sentido de a Embaixada angolana ser formalmente informada das investigações policiais e do andamento do processo judicial em torno deste triste acontecimento.

    Mais de uma centena de estudantes angolanos marcaram presença na cerimónia alusiva à última homenagem à malograda Zumira Cardoso.

    Na oportunidade, o diplomata Angolano manifestou a sua solidariedade e exortou os estudantes a manterem-se firmes e elevarem o bom nome de Angola, aguardando que as autoridades competentes acompanhem o assunto nos fóruns adequados.

    Quanto aos feridos, o diplomata disse que o Consulado de Angola em São Paulo vai apoiar e acompanhar o estado de saúde dos mesmos.

     

    A Embaixada informa que notificou formalmente o Ministério das Relações Exteriores do Brasil e solicitou à sua intervenção para que em tempo útil sejam apurados os factos e feita a justiça contra o autor material do crime e demais pessoas envolvidas neste “bárbaro e triste acontecimento”.
    A Embaixada e o Consulado Geral de Angola em S. Paulo prestaram todo seu apoio moral e material para a transladação dos restos mortais da falecida para Luanda e às demais vitimas que se encontram sob assistência médica nos hospitais dessa urbe.

     

     Refira-se que Zumira Cardoso estava a concluir o seu mestrado em engenharia. Em sua memória, o Consulado de Angola no São Paulo abriu um livro de condolências.

     

     

    O corpo de Zulmira ja encontra em Luanda, e o funeral se realiza nesta segunda feira.  

     

     



    Share this
    Tags

    A Bombar

    Jovem angolano Jessé Paulo lança livro “Tomos de Apoio Para o Nível A1 de Espanhol”

    Por: Sara Rodrigues Jessé Paulo, um jovem criador de conteúdo digital, escritor e CEO e fundador do Projeto Social "Quero falar Espanhol" no Instagram, acaba...

    Neth Nahara torna-se pregadora na cadeia de Viana e pode ver sua pena reduzida por bom comportamento

    A influenciadora digital Neth Nahara, cuja pena de prisão aumentou de seis meses para dois anos em outubro do ano passado, após um pedido...

    Madrugada Yoyo estreia-se como cantor de Kizomba

    O cantor angolano Madruga Yoyo estreou-se nesta Quarta-feira(10), como músico do estilo Kizomba, ao lançar a sua primeira música após vários anos assumindo a...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto