Heavy C: “Se eu beefar alguém, Angola vai parar”

0
195

O cantor dos pés descalços começou por esclarecer que, após a sua saída da casa mais vigiada de Angola, as pessoas aproveitaram-se de facto, alguns dos quais desconhecidos para ataques, motivo que o levou a responder. Heavy C relatou ainda que não “beefou”, pois, se o fizesse certamente Angola teria parado.

Quando o assunto é produção de qualidade associada à boa musicalidade e uma escrita apurada, o nome de Heavy C deve ser mencionado, e é um facto indiscutível. Durante uma conversa sobre o “beef” com C4 Pedro, o cantor dos pés descalços afirmou categoricamente que se entrar para um confronto directo contra alguém, o país vai parar.

Para Heavy C, não tem lógica entrar num beef com Kingckwa porque a relação de ambos sempre foi de respeito, mas sentiu a necessidade de responder depois de um vídeo feito por C4 que não caiu nas suas graças. Heavy C continuou a contar que antes da gravação da música “Tô no balo” mandou áudio para C4 Pedro a questionar sobre o que se passava, mas que entretanto o mesmo visualizou e não deu qualquer tipo de resposta.

Segundo Heavy C, a música não foi direccionada apenas para uma pessoa, no caso, C4 Pedro.

O artista disse ainda que algumas pessoas aproveitaram-se de algumas ocorrências no decorrer do Luta pela fama, algumas das quais desconhecidas para ataques, o que o levou a responder na sua nova música. “Se beefar alguém, Angola vai parar. Porque em termos de composição não vou bifar à toa, vou te investigar, saber de tudo e vou te atacar mesmo”, explicou. O produtor aproveitou o momento para explicar a sua participação na casa mais vigiada do país,  garantindo que a ideia passava por dar visibilidade à sua carreira e promover ao máximo o seu mais novo álbum.

Por: Sérgio Flávio

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments