Jornalista da RNA vence Prémio SADC 2020

0
177

O jornalista angolano Aristides Kito, da Rádio Nacional de Angola, venceu, neste sábado, a categoria de Rádio do Prémio SADC de Jornalismo (principal), 2020.

O profissional concorreu com uma reportagem sobre a Estátua Cuito Cuito Cuanavale, enquanto património mundial em Angola, que, segundo o júri, pode “promover a integração e o desenvolvimento da SADC, órgão regional da África Austral.

Com essa distinção, o jornalista vai receber uma premiação de 2.500 USD. Além do jornalista, a organização do prémio distinguiu o repórter fotográfico Santos Pedro, das Edições Novembro, na categoria fotografia.

O fotógrafo concorreu com fotografias que põe em evidência a unidade regional durante a comemoração do Dia da Libertação da África Austral (23 de Março), tendo direito a 1000 USD.
Entretanto, ainda na classe do prémio principal, categoria de televisão, o prémio coube ao jornalista do Malawi Ananiya Ponje, enquanto o de imprensa escrita ficou com o zimbabwiano Prosper Ndlovo, e o de fotografia Godfrey Mpuse, do Botswana).
Todos terão direito a 2.500 USD.

No segundo prémio, a categoria de Televisão foi ganha pela jornalista zambiana Pennipher Vida Sikainda-Nyirenda.
O Concurso de Jornalismo da SADC foi instituído em 1996, em reconhecimento do trabalho jornalísticos dos profissionais da região.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments