- Publicidade -

More

    Jovens debatem “Imoralidade Sexual” no programa  Dia Alegre da Platina FM

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Por: Helder Lourenço

    Num painel composto por três jovens, Analtina Constantino, Kendy Fernandes e Flávio Alves, o “Debate Alegre” do programa Dia Alegre da Platina FM,  desta quinta-feira (20) abordou a problemática da imoralidade sexual, tocando em questões que preocupam a sociedade e as famílias angolanas.

    Durante a discussão, a jovem poetisa e escritora, Analtina Constantino, destacou a onipresença da sexualização na cultura angolana, identificando o desejo sexual descontrolado como um dos principais elementos que contribuem para a imoralidade sexual.

    “Em Angola, tudo está sexualizado. Se nós pararmos para ouvir as músicas que nos são disponibilizadas, os programas televisivos, os podcasts com mais audiência, está tudo sexualizado. Mesmo que eu queira educar o meu filho, o vizinho ao lado está a colocar músicas cujo refrão são gemidos, o vizinho ao lado está a colocar música que tem um conteúdo totalmente pesado. Então, é necessário os pais, na questão das crianças, reforçarem na educação das crianças”, aconselhou.

    Flávio Alves ressaltou a dificuldade de muitos jovens angolanos em evitarem a imoralidade sexual, apontando a falta de responsabilidade afectiva como um factor contributivo. Ele sugeriu a inclinação à religião como uma solução.

    “Por mais que tenhas uma parceira e não coloques restrições em determinadas coisas, e não tiveres responsabilidade afectiva, há tendência em cair. Por isso, tenho aconselhado que a melhor forma de evitar situações do género é a pessoa inclinar-se à religião. É muito importante um homem que deseja ser são, juntar-se a Deus”, afirmou.

    Kendy Fernandes, por sua vez, deixou uma mensagem de reflexão sobre a educação do berço e a influência da internet nos conteúdos que muitas crianças partilham nas redes sociais.

    “A influência externa que muitas crianças têm sofrido, temos visto na internet, gestos específicos, frases completamente imorais, conteúdos desde música, vídeos e etc. Temos visto crianças a passar este tipo de conteúdos. Daí eu me questiono, será que são as forças que a internet tem passado simplesmente ou a educação que estas crianças têm de berço?”, questionou.

    Refira-se que a imoralidade sexual é definida como qualquer contacto sexual entre um homem e uma mulher que não estão casados no ponto de vista de Deus, a carícia dos órgãos sexuais de outra pessoa ou ter relações sexuais entre pessoas do mesmo sexo.

    Este debate sublinhou a importância de uma educação sólida e a necessidade de uma reflexão profunda sobre os valores que estão a ser transmitidos às novas gerações em Angola.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Empresário Júlio Varela realiza entrega de bens de primeira necessidade ao Centro de Acolhimento de Crianças na Catumbela

    O empresário e Diretor Geral da Rinawell Lda, Júlio Varela, realizou ontem, 17 de julho, uma visita ao Centro de Acolhimento de Crianças da...

    Personagem “Replay” de Artur Pop ganha espaço nos corações de crianças

    Por: Nunes Hebo No mundo das artes cénicas, vários são os artistas que foram ou são conhecidos pelos personagens que interpretam ou constroem em determinados...

    Wime Bráulio relata desafios de ser actor em Angola: “O facto de não termos condições suficientes”

    Certamente ser actor em Angola não é fácil devido à escassez da indústria cinematográfica. Desta vez, Wime Bráulio relatou uma fase desafiante na carreira...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto