Nani volta aos Palcos

0
636

 

Nani voltou  aos palcos  na abertura da temporada anual do Centro Cultural Kilamba, depois de um logo período longe dos palcos devido a doença, a cantora angolana

Ana Maria Branco  Nani  Mostrou   ao público que apesar das vicissitudes continua igual a si mesma, Nani, numa total versatilidade, deixou em palco o que de melhor fez em termos musicais, contagiando os presentes com a qualidade vocal que sempre a caracterizou em pé dança.

Bem sincronizada em termos vocais, Nani viu o seu esforço recompensado com o “assalto” da pista de dança do público, com destaque para a ministra da Cultura, Rosa Cruz e Silva, que fez questão de estar presente no local.

 A artista deixou em “Um Amor Assim”, “Diala”, “Ta Kieto” e “Veio de Longe”, temas referências do seu repertório artístico.

Apesar de ser uma jornada em que também era dedicada a homenagem ao cantor Augusto Chacaia, Nani monopolizou a atenção de quem fez questão de deixar a comonidade de casa para passar uns momentos de diversão no Kilamba, ao ritmo do melhor da música angolana.

Contagiando pela forte presença de Nani em palco, o outro homenageado do dia, Augusto Chacaia, teve que recorrer ao seu rico repertório, onde se inclui baladas produzidas na época em que era um dos integrantes do agrupamento Jovens do Prenda, para cativar a atenção do público que, exigente, teve que render-se ao que lhes foi dado, tomando de assalto a pista do Kilamba.

Começando a sua presença em palco com o tema “Kalunga”, uma balada cantada com o apoio dos fãs, o artista mostrou que o “bichinho” continua bem vivo. Em pouco mais de 45 minutos de palco Augusto Chacaia cantou e encantou os presentes.

Apesar de ser dedicado inteiramente a homenagens a Nani e Augusto Chacaia, o palco do Kilamba recebeu também o ilustre e irreverente Eddy Tussa, jovem da nova vaga que tem dado cartas no que ao semba diz respeito. Ap seu jeito, Eddy Tussa respondeu a chamada e mostrou aos cotas com vontade se pode ir longe.

 O Musongue da Tradição é um programa que teve o seu início em Fevereiro de 2007 e Visa a promoção, divulgação e valorização da música angolana produzida nos anos 60, 70 e 80. O agrupamento Jovens do Prenda e os artistas Zecax, Dom Caetano e Proletário Foram os primeiros convidados. O programa acontece mensalmente no primeiro domingo  de cada mês.

O evento faz parte da grelha de programas do Centro Recreativo e Cultural Kilamba, antigo Maria das Escrequenhas, que tem ainda “Farrar ao Antigamente” e “Show à Sexta-Feira”.

 

Platina Line/Angop 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui