O grande contrato do Champagne: Jay-Z e o Ace Of Spades

0
255

Jay-Z estava bebendo Cristal enquanto muitos não sabiam ao menos o que era isso. Mas em 2006, após comentários racistas do dono da marca, Jay-Z mudou para as garrafas douradas de Ace Of Spade, o que a fez a primeira escolha do Hip-Hop na hora de beber. Mas esse apoio e Jay-Z a Ace Of Spades, pode não ser tão nobre assim como você está pensando. No capitulo ‘Jay-Z’s Champagne Robbery’, que faz parte do livro ‘Empire State of Mind: How Jay-Z Went from Street Corner To Corner Office’ – o autor revela o quão fundo foi a associação de Hov com a Armald de Brignac (que casualmente ele chama de Ace Of Spades) e o quanto ele lucrou, assim se tornando um dos reis do lucro no Rap.

Quanto Hov está ganhando com a marca?

“Todos confirmam que Jay-Z recebe milhões de dólares por ano por sua associação com Armand de Brignac. A conexão não tem nada a ver com a Família Cattier, mas com a marca Sovereign. O custo de produção é de cerca de $13 dólares por garrafa, com preço de venda de $225 dólares, com uma produção máxima de 60.000 garrafas por ano. Se Jay-Z divide esses $212 por garrafa com a Cattier e a Sovereign, cálculos sugerem que ele ganha em torno de $4 milhões por ano com a marca. Uma das fontes confirmam esse número, e ainda adicionam que Jay-Z já pode ter recebido da Sovereign algo em torno de 50 milhões de dólares.”

A respeito da busca da qualidade do Ace Of Spades:

“Jay-Z pode ter levado Armand de Brignac para suas músicas e videos, mas para os veteranos da indústria de Champagne, é a escolha mais mediocre quando se trata de produtos com alto nível de preço e gosto. ‘Tem gosto de merda’ disse Lyle Fass, um comprador independente de New York. ‘Cristal tem um gosto melhor’.”

A inconsistente história sobre como Jay-Z descobriu a pequena fábrica de bebidas da França:

“Logo depois do lançamento da Armand de Brignac em 2006, Bienvenu conta que Jay-Z surgiu por acaso. ‘Quando começamos as vendas do produto para os Estados Unidos, e especialmente para New York, Jay descobriu nosso Champagne em uma adega e comprou algumas garrafas’, revelou ele.  ‘Não havia nenhuma parceria, nenhum financiamente envolvido, ou algo entre nós e Jay’. Mas os escritórios de Marcas e Patentes americanos confirmam que as primeira garrafas de Armand de Brignac não foram enviadas até o final de 2006 para os estados unidos – mêses depois que Jay-Z já as bebia. Então, era obviamente era impossível Jay-Z topar com uma garrafa de Champagne em uma adega de Nova York”

Via Complex 

Traduçao  Rapevolusom 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui