Inicio Unitel Música Analise Yola Semedo confessa que vive da Música

Yola Semedo confessa que vive da Música

A cantora angolana Yola Semedo, uma das mas respeitadas vozes femininas do mercado musical angolano , falou , em entrevista exclusiva à Agencia de Noticias de Angola , da Sua carreira , da família, entre outros assuntos.

Sobre Como ficaria o grupo Impactus 4, onde era a vocalista principal, depois de “abraçar” o projecto a solo, a Cantora respondeu que existem planos para novos trabalhos do grupo

“Os Impactus 4 continua, mas tenho que confessar que estamos um pouco preguiçosos. Como sempre fui a mais rebelde no grupo, mas também sempre fui a que mais insistiu nos projectos para que fizéssemos alguns trabalhos. Acredito que dentro em breve vamos sacudir a poeira e vamos entrar no estúdio para trabalhar no nosso disco. Até porque somos uma família tradicionalmente ligada à música. Não temos como deixar de fazer música. Vamos estar no grupo até a nossa morte, independentemente de alguns projectos individuais que cada um possa ter. Este foi o legado que o nosso pai deixou para nós. É o testemunho que vamos deixar também para os nossos filhos.” Explica Yola Semedo

ysmedo.jpg

A Cantora também disse que ainda Não se sente realizada na música, pois se isso fosse um facto , já não lançaria nenhum tipo de material musical e garantiu que pelo menos ela vive da música : Não. Não me sinto realizada. Se eu me sentisse realizada não estava preocupada em levar o meu próximo álbum para o público. Parava de fazer música. O nosso mercado é tão grande, há espaço para todos e nós que estamos a mais tempo no mercado temos a obrigação de continuar com esta arte, para inspirar aqueles que queiram trabalhar neste ramo. Não me sinto uma mulher realizada porque não deixei o meu testemunho, não só para o meu filho, como para as pessoas que queiram fazer música e me têm como inspiração. Como projectos vou ver se sai uma escola de música para ajudar a formar os novos talentos, aí me vou sentir realizada. Eu graças a Deus vivo. Não posso falar em nome de outros, mais hoje já se consegue viver do fruto deste trabalho. Como em qualquer outra profissão, se nós tivermos os nossos objectivos bem delineados conseguimos viver do fruto do trabalho. Justificou a criadora de 7 dias da semana

Noticia realacionada

Leia tambem