Texto: Hélio Cristóvão

Fotos: Assis Junior

O Memorial Dr. António Agostinho Neto recebeu hoje, 22 de Outubro, em conferência de imprensa, a apresentação da 5.ª edição do Circuito Internacional de Teatro (CIT), que faz parte do projecto de inclusão social e artístico “Cultura para Todos”, iniciativa da Companhia de Teatro Pitabel, existente desde 2015.

Nesta quinta edição, que visa saudar os 45 anos de Independência Nacional, tal como todos os anos, será homenageada uma figura, desta vez será destacado o dramaturgo e escritor Fragata de Morais, que em entrevista ao PLATINALINE mostrou-se grato pelo reconhecimento e apreço conquistado durante longos anos. 

Num formato totalmente diferente de todos os anteriores, adaptado à nova realidade do mundo, esta edição será realizada online e trará participações de 13 grupos teatrais, fechado apenas para a província de Luanda, sem igualmente participações internacionais.

A gala de abertura está marcada para o dia 30 de Outubro, no Atrium do Memorial, e de 31 de Outubro à  27 de Novembro, os espetáculos serão realizados na LAASP, às 17h, cuja gala de encerramento retorna ao Memorial Dr. António Agostinho Neto, no dia 28 de Novembro. “Para esta edição, vamos ter o prémio “Fragata de Morais” nas categorias de 1º, 2º e 3º classificados, apenas para os grupos que adaptarem a obra “A Visita” de Fragata de Morais. Teremos ainda um grupo que vai avaliar as obras, que será presidido pelo autor Fragata de Morais, sem deixar de mencionar o prémio Catoca 25 anos, como patrocinador oficial”, disse Adérito Costa ao PLATINALINE.