«O processo da ida do jogador à Espanha está parado. Ele teve convites de equipas do Brasil, mas a AFA não quis negociar»

O jogador que brilhou no mundial do Brasil em sub 17, Tonilson Muanza, ou simplesmente “Maestro”, como é carinhosamente tratado, ainda não partiu para Espanha, e já era dado como certo na equipa sub 20 do Real Betis, desde 2019.

Maestro está a competir no Campeonato Provincial de Luanda pela equipa da Academia de Futebol de Angola (AFA).

Mas soube o Bola Em Campo que, o jogador está descontente e quer sair para uma equipa de maior notabilidade, quer seja no Girabola como num outro país da Europa. Segundo um dos familiares do jogador, que preferiu o anonimato, «o processo da ida do jogador a Espanha está parado, muito antes dele ter ido ao Real Betis fazer testes, em 2019, houve também alguns convites de equipas do brasileirão, como o Palmeiras, mas o AFA não quis negociar para o Brasil», disse.

Soube ainda o Portal, que a equipa de Scauting do Sporting de Portugal chegou a observar “Maestro” na taça COSAFA, mas não chegou a acordo com a direcção da (AFA), dirigida por José Luís Garrido, porque foram informados de que o jogador tinha um pré-acordo com a equipa do Real Betis de Espanha.

Porém, existem equipas do Girabola como Interclube, D’agosto e Petro de Luanda interessadas nos préstimos do jovem jogador de 19 anos.

Por Bola Em Campo