- Publicidade -

More

    Angola e Brasil Reforçam Cooperação no Domínio da Saúde

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    A Ministra Angolana da Saúde, Sílvia Lutucuta , defendeu ontem, terça-feira (21), em Brasília, a necessidade do incremento sustentável das relações de intercâmbio e cooperação no domínio da saúde entre Angola e o Brasil.

    Sílvia Lutucuta que chefia uma delegação do seu ministério que está de visita ao Brasil, reconheceu o facto, no decorrer de um encontro com a sua homóloga Brasileira, Nísia Trindade Lima, acrescentando que a parceria é salutar e no que tange a formação integral de especialistas as metas são bastante ambiciosas.

    Para a Ministra Angolana, estão sendo dados passos certos, seguros e rápidos, dedicada especial atenção a investigação e treinamento de equipas no intuito de aprender sempre mais, replicar boas práticas e melhorar o sistema nacional de saúde.

    Por sua vez, Nísia Trindade Lima, Ministra da Saúde do Brasil, destacou o excelente momento nas relações entre os dois países, afirmando que o histórico de cooperação tende a crescer de forma plena e integrada.
    “Temos muitos desafios em conjunto pela frente, não podemos errar e, se errarmos um pouco, devemos corrigir no imediato”, clarificou Nílsa Trindade Lima .

    A reavaliação dos acordos de cooperação, o intercâmbio de professores, os programas de bolsas e outros financiamentos, os programas de residência médica e o funcionamento dos estágios, práticas clínicas e interacção entre alunos e pacientes à luz do programa de formação médica Angola-Brasil foram, entre outros, alguns dos temas que estiveram igualmente no centro das atenções dos participantes ao encontro.

    A visita da Ministra Sílvia Lutucuta ao Brasil visa potenciar e melhorar a capacidade e a disponibilidade de recursos humanos em Angola, aumentando o número, a qualidade, a equidade e a retenção de graduados, pôs- graduados e profissionais de saúde especializados para uma melhor e mais eficiente prestação de serviço de saúde.

    De acordo com o Ministério da Saúde de Angola, está prevista num horizonte temporal não muito longínquo, a formação e capacitação de pouco mais de 30 porcento da força de trabalho do sector de saúde de Angola, actualmente estimada em 96 mil profissionais e criar uma rede de formação sólida e capaz de responder aos desafios do presente e assegurar saúde para todos.

    Antes de escalar Brasília a Governante Angolana e sua delegação, que estão em território Brasileiro desde o passado dia 18, trabalharam em São Paulo, Estado onde visitaram o Hospital da Universidade Federal, o Instituto do Coração, o Instituto do Câncer e a Faculdade de Guarulhos.
    O Hospital Universitário de Brasília, o Hospital Materno Infantil, a Universidade de Brasília e a Empresa Brasileira Gestão de Serviços Hospitalares, foram Instituições também radiografadas pela Ministra Angolana da Saúde que esteve acompanhada pelo Embaixador de Angola no Brasil, Manuel Eduardo Bravo.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    BAI apresenta soluções de financiamento às Pequenas e Médias Empresas

    O BAI – Banco Angolano de Investimentos S.A., em parceria com a Associação Industrial de Angola (AIA), realiza em todo o país, durante o...

    Cle Entertainment e Erque Chabango Rent Car Unem Forças para Apoiar a Cultura e Juventude Angolana

    Nesta segunda-feira, duas das maiores empresas em seus respectivos setores em Angola anunciaram uma importante parceria com foco no apoio à cultura e juventude...

    Hélio Taveira reconhece crescimento profissional da ex-companheira de programa “Stela de Carvalho”

    Por: Nunes Hebo Ausente dos holofotes há alguns anos, o ex-apresentador do programa “Viva a Tarde”, do canal Zap Viva, Hélio Taveira, reconheceu, recentemente no...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto