Anna Joyce indica suas referências da música moderna angolana

0
105

Por: Hélio Cristovão

Nomes como Yola Semedo, Pérola, Ary, Yola Araújo, Edmazia Mayembe, as Gingas do Maculusso e Margareth do Rosário estão entre os destacados.

Há sensivelmente sete anos no mercado, Anna Joyce, que nos últimos tempos se tornou num dos nomes com maior representatividade à nível da música moderna angolana, revelou, durante o programa Showbiz Talk, da PLATINA FM, quais as suas grandes referências da música da nova era.

A revelação foi feita após ser questionada se também se considera um dos pilares da música moderna da actualidade, pelo que, a artista revestiu-se de humildade e citou aquelas que, além de já ter encontrado no mercado, inspiraram-na enquanto artista.

“Eu acho que os pilares são aqueles que eu já encontrei, existem outras que se calhar eu possa esquecer mas eu acho que essas fizeram o público vibrar, correr atrás, consumir música no feminino”, justificou.

Além dos nomes acima mencionados, a autora de “Já não cabe” não deixou de mencionar, igualmente, outras cantoras de referência de uma geração anterior à sua.

“Tivemos grandes vozes como Lurdes Van-Dúnem, Belita Palma, Tia Dina, Clara Monteiro, enfim, tivemos várias, mas tenho que falar das vozes que me inspiraram enquanto artista, porque é o estilo que faço, que é a Kizomba mais moderna: Yola Semedo, Pérola, Ary, Yola Araújo, posso falar da Edmazia também, porque apesar de ela ser da minha geração, ela canta há muito mais tempo do que eu. Não me posso esquecer das Gingas do Maculusso e Margareth do Rosário”.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments