Associação solidária Fazer o Bem Sem Fronteiras visita E.P.F.V

0
315

Visando promover o hábito pela leitura no seio da população penal e aumentar o nível de conhecimentos científico e religioso das reclusas, realizou-se nesta quinta-feira, 22 de Abril de 2021, visita protagonizada pela associação solidária FAZER O BEM 100 FRONTEIRAS, com o objectivo de fazer doação de livros científicos e religiosos às reclusas aí internadas.

Encabeçou a comissão o senhor António Felício, presidente da associação em epígrafe, da qual integraram os senhores: Janio Domingo, Adelino Morais da Silva, Jamba, Maurício, Pedro Epalanga, Emanuel Ramos da Silva e Weza  Mariana Mendes.

Da  parte da direcção geral do serviço penitenciário estiveram presentes o inspector prisional Eusébio Miguel, afecto ao Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa da referida unidade, e o inspector prisional Sebastião António Quihunga, chefe de secção de cultura e religião da Direcção de Assistência e Reabilitação Penitenciária.

À chegada, a comissão foi recebida pelas directoras adjuntas para área operativa e administrativa do estabelecimento penitenciário feminino de Viana, respectivamente, em representação da Superintendente Prisional Chefe, Suzete Aguiar, Directora da cadeia feminina de Viana, as quais desejaram boas-vindas aos visitantes.

Após breves considerações, na sala de reunião, seguiu-se a entrega simbólica de livros às reclusas.

Os visitantes aproveitaram a ocasião para apresentar sinceros agradecimentos pela forma calorosa e cordial com que foram recebidos, de igual modo, a directora adjunta para área operativa, Tukayana Faria, manifestou a sua satisfação pelo nobre gesto de solidariedade e camaradagem que  demonstra amor e carinho por parte da associação FAZER O BEM 100 FRONTEIRAS.

Em nome da população penal, a equipa da Coordenação Penal agradeceu o nobre gesto solidário.

Testemunharam ainda o acto membros do Conselho Técnico do E.P.F.V (Estabelecimento Penitenciário Feminino de Viana)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui