- Publicidade -

More

    Beni Dya Mbaxi entre 150 escritores escolhidos para fazer parte do livro “Campeões Transgeracional” de África

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Bernardo Sebastião Afonso, residente em Luanda, município do Cazenga, conhecido artisticamente como Beni Dya Mbaxi, é o único escritor angolano escolhido para fazer parte do livro “TRANS-GENERATIONAL CHAMPIONS”, em português “Campeões Transgeracional”, um projecto da autoria do Zimbabuano Takudza Maziofa e visa mostrar ao mundo os campeões de várias gerações africanas. 

    O projeto literário, que está previsto para o próximo ano, contará com mais de 150 escritores de toda África, sendo a maioria da região Austral, Central e da África. Os critérios de escolha foram os êxitos e as conquistas por parte dos escritores, um dos objectivos da obra é passar as experiências para os novos escritores, falar das suas conquistas e as suas dificuldades. 

    Ao Platinaline, o jovem escritor assegurou fazer parte do projecto, onde abordará acerca das suas obras já publicadas e com uma entrevista sobre o seu percurso como escritor. 

    “Olha, é um grande prazer fazer parte deste lindo projeto, na verdade, não sonhava que estava na lista dos campeões africanos de várias gerações. E sendo o único angolano, aumenta ainda mais a responsabilidade, contudo, estou muito feliz e claro isso mostra que o nosso continente afinal de contas tem visto o meu trabalho. O convite chegou numa fase que nunca contei, o e-mail fez com que desse uma pequena festa comigo mesmo. E espero ser a porta para que mais escritores angolanos cheguem em projetos como este.” Comentou. 

    Beni Dya Mbaxi em 2021 recebeu o prémio da 4ª edição do Annual Global African Authors Award pela obra “A Última Masoxi”. Recebeu também o prémio Escritor Revelação do Ano 2021, na premiação Moda Cazenga By Luandina. Recebeu Honra ao Mérito da Biblioteca Municipal Kilamba Kiaxi. Recebeu o prêmio ” Escritor Jovem do Ano 2022″, na Premiação Dipanda. Recebeu distinção pela Revista Literária Khuluma Afrika-Speak da África do Sul, 2022, recebeu dois certificados pelos feitos na literatura angolana, nas mãos do Secretário executivo do conselho Provincial de Luanda, considerado “Jovem escritor 2023”. É colunista regular do jornal internacional The Diaspora Times Global. 

    Por: Eliseu Ambrósio 

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Shopping fortaleza incentiva as crianças a adoptarem práticas sustentáveis

    Com o objectivo de educar e entreter as crianças neste mês especial, o Shopping Fortaleza disponibilizou gratuitamente uma série de actividades que promovem valores...

    Passing Toloba pede ao Presidente da República que institua o Dia Nacional do Kuduro em Angola: “Por favor”

    Por: Sara Rodrigues Através dos microfones do PLATINALINE, o controverso kudurista Passing Toloba apelou ao Presidente da República, João Manuel Gonçalves Lourenço, para instituir uma...

    Eduardo Paim “chora” após singela homenagem de Calado Show

    Por: Helder Lourenço O consagrado Rei da Kizomba, Eduardo Paim, emocionou-se ao ser homenageado num evento intimista em Luanda pelo humorista Calado Show. Com palavras...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto