- Publicidade -

More

    Benvindo Magalhães diz que foi “condenado” por colegas por não cobrar novos talentos em programas de rádios e TV’s

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Por: Hélio Cristóvão
    Diferente de muitas pessoas influentes no que a televisão e rádio dizem respeito, Benvindo Magalhães contrariou o famoso provérbio de que “o cabrito come onde está amarrado”, ao falar sobre a atitude de certos colegas de rádio e televisão com altos vícios, que pedem valores monetários a jovens promissores, em troca de um tempo de antena.
    Durante a sua passagem no programa Showbiz Talk, da PLATINALINA FM, o apresentador declarou categoricamente ser contra esta prática, e que por conta do seu posicionamento já foi julgado por colegas. “Por ser contra isso já fui muito condenado por alguns colegas porque na época em que fazia rádio convidava artistas de favor, que nunca pagavam nada, e isso fazia muito barulho”, disse.
    Benvindo Magalhães referiu ser importante que pessoas com certas influências ajudem os outros sem colocar como “escada” valores monetários. “Se essa pessoa sentir-se tocada e te der uma contribuição básica aí é outra coisa, mas a teoria de que o cabrito come onde está amarrado é errada”, terminou.
    Share this
    Tags

    A Bombar

    “O mundo não aprecia coitados nem perdedores”, diz Teresa Sara

    A atual Miss Angola Internacional, Teresa Sara, deixou um conselho para as jovens que a veem como modelo. Em sua abordagem, aconselhou-as a lutar...

    “O mundo não aprecia coitados nem perdedores”, diz Teresa Sara

    A atual Miss Angola Internacional, Teresa Sara, deixou um conselho para as jovens que a veem como modelo. Em sua abordagem, aconselhou-as a lutar...

    Governo Provincial de Luanda entrega Octógonos à FAMMA

    Por: Helder Lourenço O Governo Provincial de Luanda demonstrou o seu compromisso com a promoção das artes marciais ao entregar, nesta terça-feira (16), dois Octógonos...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Visit arnan.me

    Mais como isto