Cesaria Evora termina a carreira aos 70 anos

0
113

Cesaria Evora chegou há poucos dias a Paris para uma série de concertos e apresentações, agora cancelados. 

O comunicado da editora explica que a cantora chegou a França num estado de “grande debilidade”. “Os médicos que a seguem em Paris ordenaram o cancelamento da sua próxima digressão. Cesária decidiu então em conjunto com o seu produtor e agente, José da Silva, pôr um fim de maneira definitiva à sua carreira.”
Os problemas de saúde de Cesaria Evora têm-se vindo a complicar desde 2008, quando em Março sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) durante um concerto na Austrália. “Os seus problemas de sáude são consequência das várias operações cirúrgicas a que tem sido submetida nos últimos anos, entre elas, uma operação a coração aberto em Maio de 2010”, continua o comunicado. 

A “Diva dos Pés Descalços”, por cantar sempre descalça, completou em Agosto 70 anos e tem estado este ano a trabalhar num novo álbum, sucessor de “Nha Sentimento”, lançado em 2009.

Em 2004, Cesaria Evora venceu o Grammy de Melhor Álbum World Music Contemporâneo com “Voz d’Amor”.

Cesaria Evora é embaixadora de boa vontade da Organização da ONU para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), e foi condecorada, em 2007, pelo então Presidente francês Jaques Chirac com a Legião de Honra de França, país onde a artista encetou a sua carreira internacional, tornando-se a voz cabo-verdiana mais conhecida no mundo.

O ano passado, Cesária Évora foi homenageada no seu país, Cabo Verde, com um prémio carreira na gala dos Cabo Verde Music Awards. 

Platina Line/publico

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui