- Publicidade -

More

    Carlos Gonçalves, " Joca" O designer de Joias

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Carlos Gonçalves, também conhecido como Joca, é um jovem estudante do curso de joalheiras na Universidade Técnica de Tshwane na África do Sul. Modelo, e produtor de eventos, Joca é dono de uma das primeiras marcas de jóias e bijuterias 100% nacionais, “CG”. O designer viu duas das suas obras serem recentemente premiadas dentre mais de 300, numa competição em parceira com o Departamento de Artes e Cultura do mesmo país.

    Joca diz que despertou o amor a profissão ainda em casa, juntando algumas miçangas ao fio de pesca. Foi quando mudou-se para a Africa do sul, com apenas 6 anos de idade, que encontrou mais facilidade para obter matérias que o permitissem explorar o seu talento e começou a fazer acessórios apesar de ainda não ter qualquer formação neste ramo.

    “ Na época, que o terço estava na moda e não encontrava nenhum a meu gosto, comprei um alicate e algumas agulhas, daquele tipo que normalmente vemos nos brincos e não descansei até fazer um terço a meu gosto”. Muitos outros vieram a seguir. O artista contou-nos que quando foi de férias à Angola durante esta época, houve muita gente que gostou do terço. Explorando o seu lado empreendedor, falou com a dona de um salão de beleza e começou a fazer alguns terços para que ela pudesse comercializar. Este foi o começo do que hoje é a sua previsível profissão. Colares em pérola, cristais e acessórios feitos a mão em ouro e prata foram os seus próximos passos.

    “Estudava recursos humanos mas a meio fiz um curso de avaliação de diamantes. Quando a minha tia sugeriu que deixasse o curso de recursos humanos para fazer algo que realmente gostasse, nem sequer sabia da existência deste curso de especialização em joalheiras nas universidades”, disse.

    Sobre a sua marca, CG, são as iniciais e do seu nome e do seu falecido pai a quem ele descreve como: uma pessoa muito batalhadora, “ Eu quando crescer quero ser exactamente como ele” afirma o designer.

    Para Joca o seu maior objectivo é oferecer aos seus clientes, mais do que uma jóia, uma lembrança para quem comprar ou receber possa ter orgulho de usá-la do mesmo jeito que ele tem bastante satisfação em fazer.

    Este ano, Joca possivelmente será um dos angolanos a representar-nos na Bienal de Jovens Criadores da CPLP no Brasil, uma feira que já participou o ano passado em Portugal, de momento apenas espera ansiosamente pela confirmação do Ministério da Juventude e Desportos.

    O lançamento oficial da marca “CG” está agendado para o próximo ano uma vez que de momento encontra-se a reunir condições : – “ As pessoas pensam que nós que começamos com algum nome em Angola temos muito apoio financeiro esta não é a verdade”.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    “Mulher detida em Luanda após acumular dívida milionária em hotel de luxo

    Uma mulher de 36 anos assumiu uma identidade falsa de empresária e se hospedou em um hotel de luxo na região do litoral sul...

    “SIC desmantela rede de falsificação de dólares provenientes da RDC em Angola”

    O Serviço de Investigação Criminal (SIC) desmantelou uma rede de indivíduos angolanos que colaboravam com estrangeiros para introduzir dólares falsificados no país, provenientes da...

    Pinóquio: A Verdadeira História” traz emoção e diversão a 31 de Maio no ZAP Cinemas

    Luanda, 23 de Maio de 2024 – A emocionante estreia de "Pinóquio, a História Verdadeira" no ZAP Cinemas traz uma nova e divertida abordagem...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto