- Publicidade -

Visit arnan.me
More

    Centro de investigação da UCAN adverte que número de pobres no país pode aumentar para 19 milhões até 2027

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    O Centro de Estudos e Investigação Científica (CEIC) da Universidade Católica de Angola (UCAN) considera “inimaginável” que, passados 20 anos, num país onde a pobreza afeta 48% da sua população – o equivalente a 19,6 milhões de pessoas -, se tenham verificado “tão poucas transformações nas estruturas económicas e nos sistemas sociais”.

    O Relatório Económico de Angola 2021 faz uma avaliação dos últimos 20 anos da economia angolana e o seu impacto na sociedade.

    Para o CEIC, este balanço não é positivo, uma vez que, após o fim da guerra civil, o país não conseguiu diversificar a sua economia e transformar o fraco crescimento económico em bem-estar da população.

    Segundo o diretor do CEIC, Alves da Rocha, que falava durante a apresentação do referido estudo, quando o centro iniciou a pesquisa, pretendia apurar “o que é que se passou este tempo todo” na economia nacional, sobretudo nos setores financeiro, da agricultura e produtivo.

    “Não estávamos a pensar que Angola poderia ser uma segunda China, que fez reformas nos últimos 60 anos e conseguiu tirar da pobreza 700 milhões de cidadãos em 20 anos. Não estávamos à espera de encontrar isso, porque não temos a cultura da China, a disciplina e a sua mentalidade virada para o crescimento económico”, afirmou.

    O CEIC estima que a taxa de pobreza monetária de Angola possa estar, com os efeitos da recessão económica e da deficiente distribuição do rendimento no país, entre os 45% e os 46%.

    “Assim, o balanço destas duas décadas, após o fim da guerra civil, é claro: fizemos essa análise de 20 anos de todos os programas que o governo implementou e as conclusões que estamos a tirar é que as políticas foram mal delineadas ou não foram suficientes”, pontuou Alves da Rocha.

    “Com 20 anos de ‘planos, programas, planinhos e programinhas’, muitas foram as políticas desenvolvidas nas sucessivas legislaturas, mas que, ainda assim, não conseguiram impedir que quase metade da população enfrentasse níveis de pobreza preocupantes”, assinalou.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    2ª edição da Imersão “Mulher de Luz” promove espiritualidade feminina para empoderamento e autodescoberta

    A imersão "Mulher de Luz", um evento liderado pela renomada treinadora emocional e terapeuta espiritual, Laurinda Macedo, marcado para o dia 27 de Abril,...

    Angola Chora a Perda do Ícone do Basquetebol, Ângelo Victoriano

    Hoje, sábado, Luanda acorda envolta em tristeza pela partida do antigo capitão da Selecção Nacional de Basquetebol, Ângelo Victoriano, aos 55 anos, vítima de...

    Kwenda Magic estreia talent show nacional “O Caça-Talentos”

    O canal de televisão da DStv Kwenda Magic estreia no próximo dia 14 de abril, um novo programa na sua grelha, um talent show...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto