- Publicidade -

More

    Detentora de rede de hotéis no Dubai cria pacotes turísticos económicos para Angola

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Resultante das boas relações entre Angola e os Emirados Árabes Unidos, o grupo empresarial “The First Group”, referência no ramo imobiliário e hoteleiro naquele país, disponibiliza para o mercado angolano pacotes turísticos mais económicos para desfrutar em Dubai.

    Denominado “Dubai Lifestyle Experience”, o programa contempla hospedagem em hotéis icônicos, experiências gastronômicas e momentos de lazer. “Cada Dubai Lifestyle Experience inclui uma seleção de passeios turísticos que inclui um safari no deserto, visita ao Burj Khalifa, bem como experiências gastronômicas nos maiores restaurantes do mundo, tudo isso por um preço abaixo do praticado no mercado”, refere Creusa Nhanga representante da “The First Group” em Angola.

    Nas últimas duas décadas, o “The First Group” adotou uma abordagem inovadora para  o desenvolvimento do sector imobiliário e de serviços especializados, estabelecendo uma reputação como especialista líder em imóveis nos Emirados Árabes Unidos. O grupo possui actualmente no seu portfólio 19 propriedades, hotéis premium, em Dubai e está a construir a unidade hoteleira mais alta do mundo, o Ciel Dubai Marina.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Africell lança campanha de diversificação de agentes com foco na criação de novos negócios:

    | A Africell está a abrir as suas portas para que empresas e particulares se tornem Agentes de Recargas Electrónicas (EVC) da Africell numa...

    ZAP proporciona momento mágico a mais de 170 crianças de lares Vidas ZAP com o grande “Show do Panda E Os Caricas”.

    Luanda, 11 de Junho de 2024 – No dia 7 de Junho, a ZAP reuniu mais de 150 crianças, na acção Vidas ZAP "Show...

    Guitarrista Texas cobra 50 mil kwanzas para colaborações musicais

    Por: Helder Lourenço O guitarrista angolano Texas revelou, em entrevista ao programa "Dia Alegre" da Platina FM (96.8), que cobra apenas 50 mil kwanzas por...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto