- Publicidade -

More

    Embaixador Nunda destaca decisões cruciais que consolidaram a paz em Angola

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Londres, 06/04/2024 – O Embaixador de Angola no Reino Unido da Grã-Bretanha, Irlanda do Norte e Irlanda, Geraldo Sachipengo Nunda, enfatizou hoje que uma série de medidas fundamentais foram essenciais para cimentar a paz no país desde 2002 até aos dias de hoje. Durante um webinar dirigido à comunidade angolana no Reino Unido e em outras regiões do mundo, Nunda destacou o cessar-fogo, a aprovação da Lei da Amnistia Geral, a integração das ex-forças militares da Unita nas Forças Armadas Angolanas (FAA) e o processo de reinserção social dos desmobilizados como passos cruciais para garantir a estabilidade e reconciliação nacional.

    O Embaixador Nunda, que também participou na negociação e assinatura do Memorando de Entendimento do Luena em 2002, sublinhou a importância histórica dessas decisões para o país, afirmando que “nunca há uma guerra boa e nem há uma paz ruim”. Ele incentivou a juventude angolana a estudar a história do país e a compreender profundamente o papel dos militares e políticos na conquista da paz.

    Além disso, o diplomata fez uma análise das causas que levaram ao retorno do conflito armado após as eleições de 1992, destacando o papel da Missão de Observação das Nações Unidas em Angola (UNAVEM) e o acordo de paz definitivo assinado em 4 de Abril de 2002, em Luanda.

    Por outro lado, a especialista em ciência política e historiadora Fátima Moniz, durante a sua intervenção no webinar, apelou à calma e à colaboração de todos os angolanos na consolidação e preservação dos ganhos da paz. Ela destacou a importância da participação de todos na construção de uma sociedade mais justa, solidária e reconciliada, enfatizando que o desenvolvimento do país depende do empenho de todos os cidadãos.

    O webinar, que contou com a participação de mais de 100 internautas, encerrou com uma mensagem da Cônsul-Geral de Angola em Londres, Luzia Dias dos Santos, que instou os participantes a refletirem sobre o compromisso com a paz e a justiça, lembrando as lições aprendidas no passado.

    O evento foi organizado pela Embaixada de Angola no Reino Unido da Grã-Bretanha, Irlanda do Norte e Irlanda, em colaboração com o Posto Consular de Angola em Londres, como parte das celebrações do Dia da Paz e da Reconciliação Nacional, que decorrem até 25 de abril em todo o país e na diáspora.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Figuras públicas mostram-se tristes pela não convocação de Bastos Kissanga nos jogos contra Eswatini e Camarões

    Depois de conhecida a lista final de convocados do técnico Pedro Gonçalves para os próximos jogos de qualificação ao Campeonato do Mundo 2026, a...

    Santo Cézar Revela Renda Mensal de Fotógrafo Profissional: “Um Milhão por Mês”

    Por: Liliana Victor Durante o programa Dia Alegre na Platina FM, o fotógrafo Santo Cézar compartilhou detalhes sobre a realidade da fotografia em Angola, revelando...

    Malunne revela interesse amoroso por um artista da nova geração: “A pessoa sabe, falamos com frequência”

    Por: Sara Rodrigues Ao que tudo indica, a menina cresceu e está de olhos em um músico da nova geração. Sem muitos detalhes adicionais, a mais...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto